Criar negócio ou abrir empresa usando cartão

Criar negócio ou abrir empresa usando cartão de crédito?
Abrir empresa usando cartão? Existem muitas rotas convencionais e alternativas para financiar seu negócio, mas quase todas elas trazem importantes vantagens e desvantagens…

“Um dos maiores obstáculos para criar um negócio, iniciar ou abrir uma empresa está em gerar o capital inicial suficiente para fazer todos os investimentos necessários para começar a funcionar e também preparar terreno para esperar o crescimento.” 

Mesmo se você tenha uma idéia fantástica, com um roteiro bem feito para acertar na receita do crescimento, se você não tiver dinheiro para dar esse impulso, bau bau!

Abrir empresa ou negócio usando cartão de crédito?

Sem dinheiro próprio ou emprestado, sem financiamento comercial, sem empréstimos alternativos para negócios, talvez você nunca traga seu negócio à vida. Então, as perguntas reais que tivemos de vários leitores aqui no Grana Smart é: “É possível criar um negócio usando cartão de crédito?”

Existem muitas rotas convencionais e alternativas para financiar seu negócio, mas quase todas elas trazem importantes desvantagens:

Empréstimo comercial. Ter que pedir um empréstimo para pequenas empresas ou empréstimo pessoal para iniciar um negócio é um dos métodos mais comuns entre empreendedores, devido à sua disponibilidade e simplicidade para ser solicitado.

No entanto, estar preso em uma taxa de juros alta pode ser estressante, e nem todos têm o potencial de ser aprovado por um credor privado.

Investimento Anjo. O investimento anjo confia em encontrar um investidor rico ou muito rico que esteja disposto em possuir uma participação da sua empresa em troca de dinheiro.

Um Investidor Anjo geralmente é suficientemente apto em dar-lhe o dinheiro necessário para começar as coisas, por outro lado, você perderá uma parte da sua participação na sua empresa, ou seja, terá um sócio – portanto, perderá parte do seu poder de decisão.

Capital de risco (Venture Capital). Os investidores de risco ou capitalistas de risco funcionam da forma semelhante aos anjos. Você consegue obter uma injeção de dinheiro maciça, mas perde parte do controle da empresa ou organização comercial.

Além disso, você precisará percorrer todos os caminhos para lançar seu negócio, estabilizar e esperar ser um dos candidatos escolhidos em uma seleção.

Crowdfunding. Essa é mais uma modalidade de financiamento para empresas. É uma opção que não requer a perda de sua autonomia, no entanto, a busca por financiamento crowdfunding está longe de ser uma garantia de sucesso, e você ainda precisará de alguma forma para compensar parcialmente seus investidores e patrocinadores.

Então, e se você puder assumir todos os custos de negócios com dinheiro próprio e através do seu meios particulares ou até mesmo com amigos e familiares – perfeito, senão, use os cartões de crédito para cobrir a diferença entre suas próprias economias e as despesas reais de começar.

Os custos de iniciar ou criar um negócio próprio

Vamos começar examinando os custos de iniciar uma pequena empresa. O custo médio de uma inicialização é de R$ 50 a R$100 mil reais, mas esse valor varia de forma descontrolada, com base em muitos dos seguintes custos:

  • Você vai precisar de algum lugar para alojar a loja, seja um local de varejo formal ou um prédio de escritórios para acomodar seus produtos e funcionários seus. É preciso contar também com várias centenas ou milhares de reais com o aluguel (a menos que você inicie uma empresa em sua própria casa).
  • Variando de um laptop pessoal para equipamentos de fabricação completos, os custos para iniciar um negócio variam enormemente.
  • Abertura da empresas, licenciamento e taxas. O licenciamento, abertura, impostos e Contador geralmente custam muitos reais, mas podem custar mais para certas tipos de segmentos.
  • Trabalhar sozinho pode ser barato, mas se você tiver alguém na folha de pagamento, você precisará considerar esses custos.
  • Marketing e publicidade. Embora alguns mecanismos para utilizar técnicas com os melhores meios para marketing sejam gratuitos, você ainda deve ter um orçamento dedicado para marketing e publicidade local ou nacional. Comece com pouco dinheiro e vai aumentando conforme o interesse crescer.
  • Iniciando estoque e matéria prima. Se você estiver vendendo produtos físicos, você deve ter algum estoque para começar. Estabelecer a quantidade de produtos certamente vai demandar muitos reais, senão, centenas a vários milhares de dólares.
  • Não se esqueça dos primeiros meses de custos com serviços públicos, incluindo água, eletricidade e até Internet.
  • É quase impossível iniciar um negócio sem pelo menos algumas horas de consultoria com contadores, advogados e outros profissionais para ajustar o seu negócio as leis e normas.
  • Hipoteticamente, você deve ser capaz de reduzir esses custos coletivos o suficiente para caber diretamente nos limites do seu cartão de crédito, assumindo pelo menos alguns milhares de reais por cartão de crédito apesar de ser arriscado.

Tipos de cartões de crédito disponíveis no Brasil

Também precisamos considerar os tipos de cartões de crédito disponíveis.

Existem diferentes cartões de crédito baseados em alguns fatores:

  • Tipos de Emissores.
  • Sua pontuação de crédito no Serasa e SPC.
  • Se você está solicitando-os em seu próprio nome ou em nome de uma empresa.
  • O tipo de recompensas e benefícios que eles oferecem.
  • Suas características e limites liberados.

A sua escolha do cartão de crédito pode fazer uma grande diferença em termos de quanto será o seu limite, quais tipos de coisas você pode pagar, comprar e quais prazos você será responsável para reembolsar.

Antes de se aventurar, você deve fazer uma revisão completa dos melhores cartões de crédito disponíveis e decidir quais são os melhores para você usar com a sua empresa.

iniciar um negócio ou empresa usando cartões de crédito

As vantagens de iniciar um negócio usando cartões de crédito

Então, quais são as vantagens de seguir um modelo usando um cartão de crédito para iniciar um empresa ou negócio?

  • Velocidade e simplicidade. Uma das maiores vantagens dos cartões de crédito é a rapidez com que funcionam, do início ao fim. Se a sua pontuação de crédito estiver relativamente acima da média, ou seja, boa, você pode obter aprovação em cartões de crédito imediatamente ou no prazo de alguns dias a algumas semanas. Você terá pelo menos alguns milhares de reais livres para poder gastar ao usá-los para começar a construir seu próprio negócio. As transações geralmente não precisam passar por um processo de verificação e aprovação. Você terá o que precisa quase que imediatamente e poderá parcelar as despesas com achar conveniente.
  • Os cartões de crédito também são extremamente flexíveis, capazes de serem usados ​​para quase qualquer compra que você possa imaginar. Todas as suas compras são mantidas em um único registro, para que você possa manter as finanças da sua empresa organizadas e, se você precisar mudar as coisas (trocando para um cartão com uma taxa de juros mais baixa ou com um limite maior), você pode. Existem dezenas de diferentes fornecedores de cartões de crédito e opções de cartões praticamente ilimitadas. Portanto, não deve demorar muito para encontrar um cartão perfeito para sua empresa.
  • Falando de ajustes perfeitos, os cartões de crédito são altamente alcançáveis. Além disso, o processo para encontrar um investidor anjo ou um capitalista de risco que esteja interessado em seu projeto pode ser longo e complexo. Obter um empréstimo para empresa também tem obstáculos significativos que nem todos podem superar. Com os cartões de crédito, mesmo as pessoas tenham restrições ou baixa pontuação, podem ser aprovadas nos cartões de crédito sem consulta com relativa facilidade, assumindo claro que você está disposto a fazer alguns sacrifícios (como ter uma taxa de juros mais elevada).
  • Os cartões de crédito também oferecem maior autonomia. Poucos cartões de crédito têm limites específicos sobre o que você pode comprar, em vez disso, eles têm limites gerais para o valor em reais que você pode adquirir. Ao usar um cartão de crédito, você não precisa passar por qualquer tipo de analise de crédito. Isso significa que você tem o controle em todos os momentos.

As desvantagens de abrir empresa e iniciar negócio usando cartões de crédito

Claro, existem algumas desvantagens a considerar também ao usar um cartão para abrir um empresa:

  • Responsabilidade pessoal. Você normalmente não pode obter um cartão de crédito comercial se sua empresa não for estabelecida. Pode ser mais fácil usar cartões de crédito pessoais ou tocar seu crédito pessoal para obter uma linha de crédito. Isso significa que se a sua empresa não tiver sucesso, ou se você não estiver gerando receita suficiente, você pode ser responsabilizado pessoalmente por tudo que você comprou e ficou devendo. Se você não tem um fundo de emergência, isso pode devastar sua vida financeira.
  • Taxa de juros dos cartões. Os cartões de crédito também vêm com taxas de juros muito mais altas, as vezes maiores do que um empréstimo comercial ou outras linhas de financiamento e concessão de dinheiro emprestado. Embora as taxas variem, e você possa negociar taxas mais baixas, você pode esperar pagar a taxa média de 10% a 15%, o que é especialmente cara se você planeja pagar milhares de reais com móveis, utensílios e equipamentos que não poderão ser pagos por longos meses ou anos.
  • Sua pontuação de crédito. Você pode prejudicar seu nome e sua pontuação de crédito. Isso acontece principalmente se você não tiver os recursos para saldar a tempo. E tornará o gerenciamento das suas finanças pessoais ainda mais difícil (e você enfrentar todos os desafios que geralmente um novo empresário enfrenta). Se você não for capaz de pagar seus cartões de crédito no vencimento, ou se você deixar atrasar os pagamentos, além de multiplicar a dívida, ainda terá o CPF inscrito no Serasa, SPC e SCPC Boa Vista.
  • Parcelamento a longo prazo. Os cartões de crédito não têm muito espaço para o crescimento da sua empresa ou negócio a longo prazo. Você não pode continuar assumindo mais e mais cartões de crédito quando precisar comprar mais produtos, matéria prima ou itens. Nem assumir mais quando as demandas do seu negócio começam a expandir além do normal. Você com certeza precisará de algum outro sistema financeiro para acomodar esse crescimento. Vale mencionar que os pagamentos de juros deverão comer uma parcela muito grande de sua receita mensal. Por esse motivo, geralmente é melhor ter uma solução viável a longo prazo desde o início do negócio. Isso é, a menos que você planeje usar cartões de crédito apenas como uma medida temporária.

É possível usar cartão de crédito para iniciar um empresa?

Então, é possível iniciar uma empresa ou criar um negócio usando apenas cartões de crédito? A resposta técnica é sim, e muitos empreendedores o fizeram ou estão tentando fazer isto.

Usar um cartão ou mais de um para começar uma empresa não significa que irá aumentar a dívida pessoal descontroladamente ou se forma de financiamento é a escolha certa para você.

Contudo, os cartões de crédito como modo principal de financiamento são as melhores alternativas para pessoas que não gostam de outras opções de financiamento.

Em geral, pequenos empresários que estão dispostos a assumir um risco pessoal significativo, usam o cartão de crédito como meio de financiamento para avançar os negócios de suas empresas.

Para pessoas que estão abrindo startups de baixo custo que desejam fazer as coisas o mais rápido possível.

Para todos os outros empresários que não possuem dinheiro suficiente para abrir e iniciar seus negócios, os cartões de crédito são a melhor opção de emergência para complementar seus gastos inicias e financiamentos.

Cartões com vantagens que nem sabemos

Cartões com vantagens que nem sabemos que existe
Quer saber como conseguir cartões com vantagens exclusivas e especiais com diversos tipos de bônus e benefícios até com dinheiro de volta, sem juros etc., leia…

“O seu cartão de crédito lhe dá descontos em passagens aéreas ou gratuitas todos os anos? Tem seguro para conserta suas coisas quebradas? Garante proteção doméstica ou em um acidente de carro? Sim ou não?”

Embora esses recursos possam não parecer necessários ou que você não esteja recebendo do cartão de crédito, é provável que o emissor ou a empresa do seu cartão ofereça muitos outras vantagens impressionantes para quem os solicitar.

Quer descobrir como aproveitar? Leia para saber mais sobre ofertas especiais que você pode obter do seu cartão de crédito e nem sabia.

O que você pode conseguir cartões com vantagens?

Se você não está recebendo informações gratuitas do seu cartão de crédito, sugiro que você deveria estar.

Enquanto a maioria dos clientes e consumidores conhecem ou se apegam apenas nos perigos que os cartões de crédito causam, poucos estão cientes dos benefícios e vantagens que muitos dos cartões oferecidos aos portadores possuem.

Como a maioria das coisas, quanto mais você paga, mais você espera por algo – em outras palavras, geralmente as pessoas esperam muito mais dos cartões ao pagar as taxas de anuidades que são, em geral caras.

Mas isso não significa que cartões de baixa renda, cartões sem consulta ou cartões sem anuidade não sejam repletos de recursos interessantes e gratuitos.

Muitos cartões oferecem proteção de compra de algum tipo de coisa como, dinheiro de volta (cash back), proteção contra perda, proteção reembolso e garantia estendida e seguro pessoal e viagem.

Essas pequenas vantagens podem realmente agregar valor às suas compras, sem falar dos bônus, descontos em lojas e pontos para troca por produtos.

Cartão com vantagens e proteção de devolução de dinheiro

Se o seu cartão oferecer proteção de devolução, por exemplo, você automaticamente terá o direito de devolver suas compras mesmo que a loja da qual você as comprou não aceite devoluções ou o seu período de devolução tenha terminado.

Isso pode ser um bom recurso, especialmente se você comprar itens como eletrônicos, que geralmente têm regras mais restritivas sobre os retornos, ou eletrodomésticos que vira e mexe são entregues com problemas.

Cartão com proteção de preço para o consumidor

A proteção de preço é outra característica comum em muitos cartões. Você pode ter visto comerciais de varejistas divulgando o fato de que, se o preço cair em um item dentro de 30 dias após a compra, você receberá um reembolso pelo valor extra que pagou.

Se você possui cartões com vantagens, especialmente que oferece proteção de preço, você pode garantir o melhor preço, não importa onde você faça suas compras.

Uma das melhores características de qualquer cartão de crédito é seu recurso de garantia estendida.

Esqueça a garantia estendida que eles tentam vender na loja – seu cartão de crédito poderia dobrar a garantia padrão em qualquer coisa que você adquirir com ela (geralmente até um ano ou mais). Para itens caros, a economia desse recurso pode ser substancial se você precisar de substituição ou reparos.

Outros tipos de seguro dos cartões de crédito

A maioria das pessoas não acha que os cartões de crédito podem protegê-los em um acidente de carro, mas se você estiver usando seu cartão para alugar um carro, é provável que você tenha direito a uma cobertura de seguro secundária, caso você alugue pagando com cartão.

Seguro de pequenos acidentes pessoais também é uma coisa boa quando circunstâncias inesperadas como uma fratura ou algo assim. Mas você não tem que pagar por isso – muitos cartões de crédito oferecem gratuitamente quando você os usa rotineiramente.

Viajar é outra área em que as vantagens das empresas de cartões de crédito podem ser uma excelente ajuda. Ter assistência mecânica na estrada e assistência de viagem em uma emergência são vantagens comuns de muitos cartões de crédito oferecidos livremente por aí.

E não se preocupe se perder a bagagem – se estiver coberta pelo seu cartão de crédito, sem problemas!

Pagar taxa de anuidade faz sentido ao ter um cartão?

A taxa de anuidade em um cartão de crédito pode fazer todo sentido se o valor que você paga anualmente recebe de volta do seu cartão em vantagens e benefícios acumuláveis.

Ao avaliar se os benefícios que você obtém de um cartão superam os custos de manutenção para usá-lo, o que não se resume aos gastos do dia a dia – ou seja, existem cartões que, a menos que você gaste pelo menos uma quantia moderada de dinheiro ao mês te isenta da taxa, você provavelmente terá que empatar seu dinheiro.

Solicitar cartão com anuidade mais altas mas exclusivos

Rendas mais altas facilitam a atualização para um cartão de crédito com vantagens mais exclusivo.

Neste caso, além do prestígio de adquirir um cartão exclusivo, você também pode obter algumas vantagens impressionantes, incluindo passagens aéreas com super descontos, serviços de concierge, programas de pontos e acesso VIP a eventos, aeroportos e destinos especiais.

Esses cartões mais sofisticados como os cartões black e diamante, tendem a ter taxas que podem chegar a centenas de reais, mas, dependendo de como você usa um dos seus cartões com vantagens, você pode compensar o preço elevado da anuidade do cartão.

Uma das maiores vantagens que você encontrará com cartões de crédito premium são os programas de recompensas. Se você gasta muito dinheiro com seu cartão, não é difícil obter muitos produtos, serviços e itens gratuitos, a exemplo: eletrônicos ou pacotes de viagem.

Se você possui um negócio ou está autorizado a se inscrever em um programa de pontos em seu cartão de crédito corporativo, os pontos podem ser uma maneira fantástica de conseguir algo de graça, como passagens com upgrade para a ala executiva.

Cartão com descontos e regalias

Se a ampla gama de benefícios de um cartão de crédito é novo para você, há uma boa razão – em geral as pessoas usam cartões com vantagens somente para pagar coisas, muitas desconhecem as vantagens e poucas realmente as usam.

É fácil esquecer a montanha de benefícios oferecidos pelo seu cartão, mas também é fácil de aproveitá-los se você estiver atento.

Para começar, examine toda aquela papelada que acompanham seu cartão de crédito quando chegam pelo correio. Se você os perdeu, ligue para o número 0800 ou número local no verso do seu cartão ou procure no site do emissor, banco ou administradora para obter detalhes sobre os recursos e as vantagens que seu cartão oferece.

Conclusão

Certifique-se de pesquisar por cartões com vantagens de crédito que oferecem benefícios e que você possa usufruir. Se você tiver sorte, eles podem ser muito mais substanciais do que o esperado e no final você pode se surpreender.

Ao mesmo tempo, se os benefícios que você obtém com seu cartão atual não são tão bons assim, é uma boa idéia familiarizar-se com as limitações dele, incluindo a taxa de juros no rotativo ou a taxa cobrada sobre o empréstimo no cartão, mas tente aproveitar todos os programas.

Conta digital ou Banco com Agência

Conta Digital ou Agência Bancária
Esta pensando em abrir uma conta digital e manter uma conta em banco com agência bancária. Saiba as vantagens e desvantagens entre esses tipos de contas correntes…

“Quando foi a última vez que você falou e usou o atendimento de um caixa do seu banco, fez um depósito, transferência por TED ou DOC, ou retirou um cheque nas máquinas automáticas?”

Se você acabou de fechar os olhos para pensar sobre isso – ou se a resposta ainda não lhe veio a cabeça – você pode estar pronto para usar um banco virtual com conta digital corrente. Para falar a verdade, essa é a comunidade que mais cresce no mundo.

Abrir Conta Digital ou Agência Bancária?

Apesar de existir milhares de agências bancárias e elas ainda estarem nas esquinas das ruas, e dos centros das cidades e dos bairros, os consumidores de serviços financeiros e bancários estão confiando cada vez menos em transações presenciais.

De acordo com uma pesquisa do Citibank feita em 2018, quase metade dos consumidores – incluindo quase dois terços da geração do milênio – aumentaram o uso dos serviços bancários móveis no ano passado, ou seja, os bancos no celular estão dominando o cenário.

Oito em cada dez pessoas estão usando o mobile banking nove dias por mês, em média, enquanto quase um terço usa o mobile banking 10 ou mais vezes por mês.

A mesma pesquisa descobriu que os aplicativos de bancos para versão mobile Android e iOS, estão entre os mais usados, ficando atrás apenas dos aplicativos de mídia social e sites e aplicativos de clima.

Se você estiver fazendo a maior parte dos seus serviços bancários com seu telefone ou tablet e estiver se perguntando se é necessário ter uma agência bancária física em sua vida, veja alguns fatores a serem considerados:

Conveniência das contas correntes digitais online

Ambas os tipos de instituições financeiras com agências físicas e bancos online, afirmam que seu principal apelo é a conveniência. E ambos estão certos. Por exemplo, um proprietário de uma empresa local que negoceia transações em dinheiro naturalmente deseja um banco que possa fornecer a eles transações ou depósitos em dinheiro rápido.

E uma pessoa que gosta dessa parte social de poder visitar um banco físico – tem gente que gosta –, mas essa ideia de que no banco todos o conhecem, ou ser atendido por um funcionário preferido pode não resistir ao tempo.

Por outro lado, um funcionário ou trabalhador privado que tenha seu contracheque depositado diretamente em sua conta pode preferir a facilidade de uma conta digital que usa aplicativo 100% online para gerenciar seu dinheiro do que um banco físico.

As contas digitais em geral permite a verificação rápida do saldo, fazer depósitos e transferências para outros bancos simplesmente tirando uma foto com seu telefone e transferindo fundos para quem eles quiserem e quando quiserem.

Não há espera na fila ou se preocupar em chegar no banco antes do final do expediente bancário.

Segurança de ter uma conta digital

Uma preocupação comum é que os bancos online não são tão seguros quanto os bancos e agências tradicionais – e com as ameaças cibernéticas em curso todos os dias podem deixar consumidores com menos experiência em tecnologia muito nervosos e ansiosos.

Contudo, proteger as informações da sua conta digital e do seu dinheiro é fundamental para os bancos, não importa onde ou como você faz uso do banco (agência ou banco móvel), hoje quase todas as instituições estão armazenando seus dados digitalmente.

Então, a coisa a verificar é o nível (ou, melhor ainda, os níveis) de segurança que você está utilizando, normalmente todas as instituições financeiras online oferecem sistemas complexos de proteção contra fraudes online.

Quanto ao seu dinheiro, os fundos depositados são segurados pelo BC tanto em bancos físicos e online.

Satisfação e conveniência

Isso pode surpreendê-lo, mas as pesquisas de satisfação do cliente tendem a dar aos bancos digitais uma pontuação geral muito mais alta do que os bancos privados baseados em agências.

Quando os usuários se sentem à vontade com a tecnologia, eles adoram a conveniência da experiência móvel e a variedade de serviços disponíveis, em muitos, gratuitos inclusive.

Não, você não pode entrar na fila e passar com o seu caixa favorito ou entrar em contato com seu gerente para perguntar pessoalmente sobre como contratar um empréstimo pessoal, bancos digitais não possuem uma agência, pelo menos a maioria, alguns tem.

No entanto, você pode obter ajuda sempre que precisar usando um aplicativo ou um número de telefone de atendimento ao cliente 24 horas – 0800 e SAC dos bancos.

Disponibilidade de ATM – Caixas Eletrônicos e Banco 24Horas

Ambos os tipos de bancos tornam possível usar praticamente qualquer qualquer caixa eletrônico no mundo. A diferença é o que você pode pagar pelo acesso aos serviços, transações financeiras e retirada de dinheiro.

A maioria dos bancos tradicionais cobram uma taxa se você usar um caixa eletrônico fora da rede. Bancos online geralmente não, por exemplo: você pode usar qualquer caixa eletrônico no mundo que aceita a Visa ou Mastercard que as taxas podem ser reembolsadas.

Custos e tarifas bancárias

Você provavelmente achará que o banco digital online é um lugar mais amistoso, em geral é, principalmente se você não é fã de pagar dezenas de taxas bancárias.

Além de taxas dos ATM, tem o cheque especial entre outras, os bancos privados tradicionais tendem a cobrar taxas de “manutenção” ou “taxa de serviço”, a menos que você mantenha um saldo mínimo em sua conta corrente ou faça um número necessário de transações com cartão de débito a cada mês.

Bancos online sem filiais têm custos indiretos muito menores, e isso geralmente resulta em taxas baixas, quase nenhuma ou nenhuma taxa mesmo.

Taxa de juros em rendimentos

A redução das taxas de juros está atraindo os poupadores que investem seu dinheiro em produtos financeiros que mais pagam pelo uso de seus recursos e fundos financeiros.

Enquanto que bancos privados físicos tentam capturar clientes poupadores para aplicações na poupança tradicional, os bancos com conta digital oferecem operações mais flexíveis e dinâmicas, geralmente oferecem taxas de rendimento mais competitivas em suas contas, mesmo com o dinheiro para na conta corrente.

Mudança de hábitos financeiros

Algumas pessoas amam mudanças. Outros não. Se você lida com a tecnologia regularmente (estamos falando em usar um celular smartphone, e ninguém precisa estudar para aprender usar um smartphone), você provavelmente consegue se adaptar rapidamente a um aplicativo bancário móvel imediatamente.

Se não conseguir – você certamente vai ter que assinar cheques na mercearia ou pagar tudo em dinheiro vivo – você pode não querer pular para o primeiro banco móvel.

Mas você pode optar por abrir uma segunda conta digital para aproveitar os benefícios e se acostumar com essa nova maneira de fazer transações bancárias e negócios pelo celular.

Deixe o seu dinheiro crescer mais rápido em uma conta online com o maior taxas de rendimento e, se achar que vai perder a experiência do contato pessoal, mantenha uma conta de banco que possua agência bancária tradicional.

Serviços oferecidos

Se você gosta de sua agência bancária convencional e do contato com as pessoas que trabalham por lá, você pode manter aberto essa conta de banco. A ideia de usar um balcão – onde você pode solicitar um empréstimo pessoal, fazer um financiamento de carro ou financiar um imóvel, obter uma hipoteca ou abrir uma conta poupança – ainda é atraente para alguns clientes.

Mas você pode fazer a mesma coisa com uma opção não tradicional de gerenciamento de caixa híbrida tudo pelo aplicativo móvel e com toda comodidade de usar o tempo como quiser, uma conta digital é o caminho.

Com o crescimento da tecnologia digital e a crescente aceitação do banco online, banco digital e móvel, o acesso a produtos e transações bancárias não está mais vinculado a um local físico ou agência.

Não importa o que esteja impulsionando sua tomada de decisão – conforto, custo ou conveniência – você pode conseguir tudo em uma instituição financeira que resolva suas necessidades, seja elas quais forem.

Aumentar Score no Serasa, SPC e Boa Vista

Aumentar Score no Serasa, SCP e Boa Vista
Quer saber como aumentar Score de crédito para que credores, como bancos, financeiras e empresas de cartões usem a pontuação ao seu favor?

“Aumentar o Score no Serasa Consumidor, Boa Vista SCPC e do SPC Brasil, tem se tornando um assunto recorrente para quem quem deseja ter crédito, fazer empréstimos e acesso ao financiamentos disponíveis.”

Quando se trata de Score muitas dúvidas aparecem na cabeça do consumidor, especialmente quando as três mais importantes empresas que fazem essa classificação, apresentam pontuações totalmente diferentes entre si.

Independente da forma e dos sistemas que cada uma delas usa para medir a pontuação de crédito do cidadão, é fundamental saber como aumentar o Score para manter uma vida financeira sadia e poder ter acesso ao crédito, e ter um bom histórico e pontuação faz parte desse processo.

Como aumentar score de crédito?

Para ajudar os usuários nesse desafio de manter o Score alto no Serasa, SPC Brasil e Boa Vista (SCPC), listamos 10 dicas básica mas fundamentais para aumentar Score de forma rápida e sem jeitinhos brasileiros. Confira:

Antes acesse também os artigos sobre Score de crédito de cada um dos bureaus brasileiros:

Consultar Score Serasa grátis e pontuação no Serasa
Consultar Score no Boa Vista Grátis e pontuação no SCPC
Consultar Score SPC Grátis e pontuação no SPC Brasil
Como consultar nome sujo grátis na Internet

Para quem e para que serve o Score de crédito?

O CPF – Cadastro de Pessoas Físicas está diretamente vinculado com o Score, esse tipo de pontuação serve exclusivamente para avaliar numa analise de crédito qual o risco que um cidadão consumidor oferece para um credor. Ou seja, o Score faz a medição em pontos da probabilidade de uma pessoa cumpris ou não um compromisso financeiro nos próximos meses.

A pontuação de crédito (Score) é calculado pelas agências de proteção ao crédito. No Brasil, nós temos três bureaus que realizam essa função, são eles: SPC Brasil, Boa Vista – SCPC e Serasa Experian com o Serasa Consumidor.

As agências são normalmente usadas para averiguação e consultar da situação do CPF de uma pessoa, ou seja:

  • Se o cidadão tem cumprido seus pagamentos e compromissos financeiros
  • Se está inadimplente com algum credor, empresa, órgão ou instituição
  • Quanto um cidadão ou mutuário esta devendo na praça
  • Se esta com restrição no nome ou se tem inscrição nos cartórios

Com essas análises, bancos, financeiras, órgão públicos, empresas privadas e lojas do comércio em geral decidem se liberam vagas, crédito, financiamentos ou não.

As empresas de proteção ao crédito no Brasil ainda não divulgam como o valor da pontuação e processada ou o que faz a pontuação existir para mais ou para menos, diferente de outros países como nos Estados Unidos que tem muito bem formado um sistema que informa como a pontuação funciona e como o Score aumenta ou diminui.

O Score e as pontuações de crédito são projetadas para medir o risco de inadimplência, levando em consideração vários fatores no histórico financeiro de uma pessoa (CPF). Embora as fórmulas exatas para calcular as pontuações de crédito sejam secretas é possível aumentar o score.

Os pontos divulgados em um Score pelas agências regulamentadas começam com 0, e varia até 1000 pontos, cada faixa de pontos indica um baixo, médio ou alto risco de inadimplência por parte do consumidor.

Veja abaixo:

 Score de Crédito  Risco de Crédito
 0 a 300  Alto índice da inadimplência
 301 a 700  Médio risco de inadimplência
 701 a 1000  Baixo risco de inadimplência

Como aumentar o Credit Score em 10 passos?

Abaixo você confere dez dicas simples e eficazes mas fundamentais para fazer aumentar Score de um forma descomplicada e sem arranjos fora da lei.

Confira:

1. Consulta do seu Score regularmente

O Score tem se tornado cada vez mais importante no Brasil, e o mais interessante é que essa informação é gratuita, não se paga nada para saber o Score em nenhuma das três agencias de crédito.

O ideal é manter as consultas pelo menos uma vez por mês para saber como andam as coisas, se o Score abaixar, procure saber o que esta acontecendo com o seu CPF.

2. Mantenha sem nome limpo

Para ter crédito, fazer empréstimo e financiamentos, além de manter o emprego em alguns casos, ter o seu nome limpo no Serasa e SPC e Cartórios também, pode abrir muitas portas e ao contrário fechar portas. Os agentes de crédito (SPC, Serasa e Boa Vista) possuem serviços que informam ao consumidor caso haja inscrições negativas em seus nomes.

Na Internet também é possível encontrar inúmeros sites que fazem a consulta do CPF de acordo com as necessidades do usuário.

Diante disto, sempre mantenha o seu nome limpo para poder ter acesso ao crédito e não sofre nenhuma restrição ao solicitar produtos e serviços financeiros. Se tiver pendências em seu CPF, procure o credor para negociar o quanto antes.

3. Pague dívidas caducadas e esquecidas

O que muitas pessoas acabam esquecendo é que apesar das dívidas não constarem nos arquivos dos agentes de proteção ao Crédito, essas mesmas dívidas que supostamente caducaram, consta nos registros internos das instituições, e muitos até dizem que existe uma lista negra dos bancos.

Não se esqueça que a maioria das instituições bancárias e financeiras possuem sistemas e mecanismos para saber quais são suas pendências financeiras além dos Serasa e SPC.

Muitas pessoas reclamam que o Score não aumenta mesmo estando com o nome limpo, será porque? Pense nisto!

4. Crie histórico tendo contas de consumo em seu nome

Para ter crédito é preciso que a pessoa exista para o sistema financeiro, e uma das coisas que ajudam nisto é possuir contas de consumo no seu nome ex: como de água e saneamento, conta de energia elétrica, contas de telefone e internet, cartões de lojas, TV a cabo, empréstimos, e tudo que possa relacionar você a consumo etc.

Com apenas esse artifício, você começa a criar um histórico de pagamentos associado ao seu nome e CPF e aumentar Score é questão de tempo.

5. Cadastre-se no Cadastro Positivo

O Cadastro Positivo é uma ferramenta criada para auxiliar os consumidores e cidadãos na concessão de crédito e financiamento pelos bancos, financeiras, instituições de crédito e o comércio em geral.

O Cadastro Positivo é uma maneira encontrada para que o consumidor demonstre o lado pagador dele, diferente da Serasa ou SPC que relata as restrições e inscrições negativas.

Para saber mais sobre esses serviços, acesse: Cadastro Positivo Boa Vista, Serasa Consumidor e SPC Brasil Cadastro Positivo.

6. Abra contas em bancos e Instituições financeiras

Hoje nós temos inúmeros meios de abris uma conta corrente no bancos, ter uma conta digital ou conta poupança.

Ao movimentar uma conta em uma instituição financeira e manter um relacionamento saudável, isso com certeza auxilia na criação de rating e melhora seus histórico de crédito.

Além disso, ao ter uma conta bancária, serviços como obtenção de cartões de crédito, limites de cheque especial, limites de financiamentos e crédito em dinheiro ficam a disposição de acordo com o seu perfil e movimentação bancária.

7. Faça financiamento e compras parceladas

Pode parecer que não, mas compra parcelado e ter financiamentos de produtos e bens fazem toda a diferença para a construção de crédito.

Por isso, o ideal é ter alguns cartões de lojas, manter crediários e se possível boletar (pagar carnê) algumas compras. Para quem prefere realizar o pagamento à vista, use o cartão de crédito, ou de débito.

8. Pague contas, boletos e faturas no vencimento

Ser um bom pagador gera frutos, ao pagar as suas contas, despesas, compromissos financeiros, boletos no prazo de vencimento, ou seja, em dia, isso poderá ajudar na pontuação de crédito, no Score do Cadastro Positivo.

Sempre que for possível, faça antecipações de pagamentos, evite pagar atrasado e negativações no Serasa e SPC.

9. Coloque contas e faturas no débito automático ou DDA

Como dito, pagar as contas em dia é um excelente meio de conseguir construir crédito, essa atitude é melhor ainda.

Para ser considerado um bom pagador e não perder nenhum pagamento, inscreva suas contas, boletos e carnês de financiamentos no débito automático do seu banco, isto também ajuda aumentar Score.

Como o débito automático ou DDA, suas contas serão pagas sempre em dia, mas não esqueça de verifica seu extrato semanalmente se as contas foram pagas.

10. Mantenha suas informações pessoais atualizadas

Brasileiro costuma ficar mudando sempre de um lugar para outro, no entanto acaba esquecendo de relatar isso ao banco, credores, companhia telefônica e outros.

Sempre tenha em mente que seu endereço precisa estar atualizado, desta forma o SCPC Boa Vista, SPC e Serasa sempre terão dados frescos ao seu respeito.

Isso facilitará a analise e confrontamento de informações quando for solicitar produtos e serviços em instituições financeiras.

Conclusão

Vale mencionar que todas as 10 dicas relacionadas neste artigo são apenas uma direção de como fazer, entenda que aumentar o seu Score de crédito não vai ser alterado de um dia para o outro. Aumentar Score demanda tempo, dedicação e responsabilidade financeira.

Fique longe de problemas com dívidas não pagas, débitos indevidos no seu nome, evite deixar de pagar contas de consumo, se inscreva no Cadastro Positivo, e com certeza nos próximo 6 a 12 meses o seu Score sofra alguma alteração para maior.

SAC e 0800 para fazer reclamações de bancos

SAC e 0800 de bancos para Problemas e Reclamações
Para fazer reclamações de bancos os SAC e 0800 são os melhores caminhos, depois a ouvidoria para resolver problemas com produtos e serviços. Confira as 5 formas de solucionar problemas com bancos…

“Usar o 0800 e SAC de bancos para solicitar serviços ou resolver problemas.. Quem nunca teve que resolver algum procedimento indevido com o banco? Desde cobranças indevidas a dúvidas sobre produtos ou obter informações sobre produtos e ainda solicitar cartões, desbloquear conta etc.”

Na hora acessar um dos canais de atendimento ao cliente de alguma instituição financeira para qualquer solicitação, um dos primeiros cuidado do cliente é não ir até o gerente do banco, financeira ou empresa credora.

Esse conselho foi feito pelo próprio IDEC (Instituto Nacional de Defesa do Consumidor). O grande problema nessa ação é porque em geral, gerentes e subordinados de instituições financeira apesar de serem bem-intencionado, as cobranças com relação as metas são grandes, por isso, o resultado final da reclamação pode não tão satisfatório para o consumidor.

Reclamar em SAC e 0800 de bancos

Quer reclamar sobre produtos e serviços bancários e financeiros em bancos, financeiras ou instituição de crédito, o melhor é acionar outros canais de atendimento como SAC e 0800, mídias sociais e até a Ouvidoria.

Leia também:
Números e códigos dos bancos bancos brasileiros
Como fazer e qual a diferença entre Doc e Ted?
Onde encontrar empréstimo pessoal em banco e financeira?

Naturalmente as maiores dúvidas de onde reclamar de bancos são:

  • Onde posso reclamar sobre bancos?
  • Qual é o SAC e 0800 do Banco Central?
  • Qual o telefone das ouvidoria dos Bancos e Banco Central?
  • Qual o órgão que regula e fiscaliza os bancos?
  • Como entrar em contato com o Banco Central?

Veja o passo a passo para registrar suas reclamações em cada meio de contato:

Ligar para o SAC – Central de Atendimento ao Consumidor

Todo cidadão sabe o que é, como funciona e como utilizar o SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor), esse meio de contato dever ser a primeira forma de entrar em contato com um prestador de serviço na hora de formalizar um reclamação.

Por lei, todo instituição que envolve a transação bancárias (bancos, financeiras, cooperativas etc.,) precisam disponibilizar um canal de atendimento com linha gratuita 0800, com acesso 24 horas por dia, sete dias por semana.

A ligação em 0800 deve ser gratuita tanto de telefones fixos quando de celular, além das ligações serem necessariamente gravadas.

Anotar protocolo de atendimento no SAC

Ao registrar uma queixa no SAC ou 0800 de um banco, você recebe um protocolo com um número de identificação. Para ter acesso ao dados do atendimento ou para dar prosseguimento à reclamação, é fundamental anota-lo em algum lugar.

Quando formalizado um reclamação, o SAC do banco tem até cinco dias úteis de prazo para responder com uma solução ao cliente ou ao consumidor do produto ou serviço.

Pedir gravação de atendimento do SAC

Todo cliente ao ser atendido pode solicitar a gravação da conversa registrada no sistema. As gravações são arquivadas até 90 dias, segundo as regras estabelecidas para o atendimento feito via SAC.

Esse procedimento foi criado para proteger o consumidor, e, em caso de precisar juntar provas, basta entrar em contato com atendimento 0800 da instituição ou empresa e solicitar a gravação.

As instituições financeiras e bancos devem manter o registro eletrônico do atendimento por no mínimo dois anos após a solução do problema.

Veja os números do SAC e 0800 dos principais bancos do país:

 Instituição Financeira  SAC do Banco
 SAC Caixa Econômica Federal  0800 726 0101
 SAC Banco do Brasil  0800 729 0722
 SAC Bradesco  0800 704 8383
 SAC Itaú Unibanco  0800 728 0728
 SAC Santander  0800 762 7777

Fale com a ouvidoria do banco

A ouvidoria é regulamentada pelo próprio Banco Central, essa canal de contato designado como ouvidoria é o departamento de um banco que normalmente resolvem os problemas dos clientes quando esses não forma resolvidos nos canais de atendimento normais.

O papel da ouvidoria é manter o relacionamento entre a instituição e o cliente da melhor forma possível. A ouvidoria de um banco, inclusive, é o departamento que faz o gerenciamento do SAC e dos meios de comunicação com o cliente, usuários e consumidores.

Para os casos onde o SAC não consegui resolver o problema dentro do prazo por lei de até cinco dias úteis, a ouvidoria é o próximo passo. Ao entrar em contato, lembre-se de esta munidos do número de protocolo fornecido no SAC em atendimento anteriores.

Quanto a ouvidoria, ela tem até dez dias úteis para dar uma solução ao problema relatado. Outro detalhe importante é não reclamar apenas no SAC e 0800 e usar as redes sociais para expor o problema, siga as regras e aguarde as soluções que o banco deve apresentar.

Os canais internos dos bancos são regidos pela lei diferentes das mídias e redes sociais como Facebook, Twitter, Instagram e outras, em geral servem apenas para constranger a instituição, contudo não possui efeito legal ou caráter fiscalizador.

Confira os números da ouvidoria dos principais bancos:

 Instituição Financeira  Ouvidoria do Banco
 Caixa Econômica Federal  0800 725 7474
 Banco do Brasil  0800 729 5678
 Bradesco  0800 727 9933
 Itaú Unibanco  0800 570 0011
 Santander  0800 726 0322

Registrar queixa no Banco Central do Brasil

O consumidor possui inúmeros meios de resolver questões divergentes com bancos e outros segmentos do mercado, por falar nisto, o consumidor pode ainda enviar sua reclamação direto ao Banco Central, essa instituição é o órgão máximo responsável pelas regulamentações e fiscalização dos bancos.

Para reclamar, acesse o site ou ligue no telefone 145 (de segunda a sexta, das 8h às 20h; é cobrada tarifa de ligação local). Ao ser atendido, basta digitar a opção 8, se for reclamação por cobrança indevida, a opção é 6.

Que fique claro que o Banco Central não vai resolver o problema com o banco em questão, o BC não pode atuar como juiz em casos específicos de usuários, clientes e consumidores.

Para pessoas que estão com muita dificuldade de obter um solução, é importante fazer a denuncia, desta forma, o BC faz a fiscalização mais ampla do sistema financeiro e mapeia os maiores problemas.

Reclamação do seu banco no Procon de sua cidade

Em nenhuma das opções acima você obteve a solução do problema? Então só resta ir atrás dos seus direitos como cidadão e consumidor, procure um Procon estabelecido na sua cidade. Entre no site do Ministério da Justiça, nessa página encontramos o endereço e o contato dos Procons em todo o país.

O atendimento do Procon pode ser realizado tanto pelo telefone quanto pessoalmente.

Na cidade de São Paulo, o Procon além de fazer o atendimento por telefone, também oferece atendimento a distância. Para isso, entre no link e escolher uma das opções:

  • Atendimento eletrônico
  • Mensagem no Facebook ou Twitter
  • Mensagem de voz (caixa postal)

Após reclamar no Procon, o órgão vai negociar com a instituição ou banco, a partir daí, o cliente terá até dez dias para obter uma resposta“.

Caso o banco não responda dentro do prazo estabelecido, o Procon (órgão de defesa do consumidor) abre um processo administrativo, com duração de até 120 dias para término. Se ganhar o processo, o Procon pode até multar o banco.

O Procon pode ser procurado quando a ouvidoria do banco também não conseguiu ou não pode resolver o problema do cliente.

Recorrer à Justiça contra um banco

Se nada do que pode ser feito funcionar, SAC e 0800, Ouvidoria, Procon.. o consumidor sem dúvida deve entrar com uma ação na Justiça.

Para isso iniciar a causa, o consumidor precisa juntar toda a documentação que comprove o problema e todos as tentativas que deu para tentar resolver sem sucesso junto ao banco ou instituição.

Com as provas juntadas, procure o Juizado Especial Cível (antigo Juizado de Pequenas Causas), que acata causas de até 40 salários mínimos (R$ 39.920), para causas abaixo de 20 salários (R$ 19.960), valores atuais, e não é preciso acionar um advogado.

No Juizado Especial Federal, o limite é maior: até 60 salários mínimos (R$ 50.880).

Para processo com valores maiores, será necessário entrar com processo na Justiça comum. Nesse caso, é preciso ter um advogado para entrar com as ações e petições indispensáveis.

Se você estiver considerando fazer uma reclamação no SAC e 0800 de uma bancos ou instituição financeira, nós esperamos que esse artigo possa de alguma forma ter esclarecido quais as suas possibilidades, caso contrário, nos ajude a complementar com mais informações.

Consumidor Positivo Boa Vista – Consulte!

consumidor positivo boa vista
Como o Consumidor Positivo Boa Vista ajuda consumidores em geral poderem ser bem vistos por credores, bancos e financeiras na hora de buscar crédito, confira!!!

“Ter seu nome sujo pode ser um enorme problema para o consumidor, para o cidadão e também para empresas em geral. Além de impossibilitar a realização de financiamentos e a tomada de crédito pode trazer outros problemas também sérios.”

O principal incomodo pode ser na hora de adquirir um bem: carro, veículo motor, imóvel etc., neste casos, a maioria das bancos, financeiras ou lojas consultam os cadastros do Serasa, “Boa Vista – SCPCP” e SPC Brasil e cartórios, ao verificar que o cliente é um devedor, o pedido pode ser negado.

Ser um consumidor positivo pode fazer toda a diferença na hora de uma compra, pedir um empréstimo pessoal ou financiamento.

A importância do Cadastro Positivo do Consumidor

Como um cidadão que faz a coisa certa, é importante que você preste atenção constantemente não só na sua vida financeira, mas também em seu histórico de crédito, na pontuação e no seu cadastro de consumidor nos agentes de proteção ao crédito.

Não só para não passar embaraços e vergonha no momento da conclusão de um pedido, mas também para evitar roubos de identidade de fraudes com o seu CPF.

Uma das três empresas oficiais que realizam a consulta do CPF é o SCPC (Boa Vista), inclusive de forma gratuita e completa. Vamos descobrir como esta empresa trabalha e como usá-la para cuidar constantemente da saúde do seu CPF para deixa-lo positivo.

Acesse também os artigos sobre consulta:
Consulte seu nome sujo grátis pela Internet
Consulte grátis seu score e pontuação de crédito no Serasa
Consulte sua pontuação e score gratuito no SPCP Boa
Como fazer a consulta do score e pontuação no SPC Brasil

O que significa ser um Consumidor Positivo?

No Brasil existe uma forma das empresas, financeiras e bancos se protegerem de credores que não pagam ou não terão condições de pagar suas dividas atuais e futuras.

O Cadastro Positivo te ajuda a ser reconhecido como bom pagador, pois mostra como você paga suas contas e não só as dívidas que possam acontecer.

Todos já sabem, se uma pessoa não pagar seus compromissos financeiros, seu nome poderá ir direto para um, ou para todos os agentes de proteção ao crédito. Isto fará com que você fique com restrição no CPF, ou seja, terá o nome negativado e poderá ter algumas restrições financeiras.

No entanto, o oposto também pode ocorrer. Muitas empresas realizam consultas nos serviços de cadastro positivo.

Estes serviços revelam ao credor que o cliente pesquisado é um bom pagador. Mantendo o cadastro positivo, o cidadão tem mais chances de conseguir completar seus pedidos de crédito, comprar um bem, financiar um veículo ou até mesmo solicitar um empréstimo pessoal.

Consumidor Positivo Boa Vista – o que é?

O Boa vista, possui um serviço importante para você. Além do serviço de consultoria, a empresa também oferece dicas de educação financeira, monitoramento do CPF além de alerta e documentos perdidos ou roubados.

“Boa Vista Serviços é uma empresa que atua com informações de crédito administrando um banco de dados que reúne milhares de informações comerciais e cadastros de mais de 130 milhões de empresas e cidadãos consumidores em todo o país.”

No site do ConsumidorPositivo (site), é possível consultar seu CPF gratuitamente e identificar dívidas em seu nome e negociar com os credores tudo feito pela internet sem a interferência de atravessadores ou intermediários.

Serviços oferecidos no site Consumidor Positivo SCPC

 Consulta CPF Grátis  Informar Documentos Roubados
 Consulta CPF Grátis  Cadastro Positivo
 Limpar Meu Nome  Educação Financeira

Como funciona o Consumidor Positivo Boa vista?

O Cadastro Positivo é uma espécie de bancos de dados gigante, ele está interligado com diversas fontes de informação e é forma um histórico de pagamentos de cada pessoas que consta cadastrado nele.

Neste cadastro gratuito, são armazenadas dezenas de informações positivas dos consumidores que pagam em dia as suas contas.

Para te tranquilizar com relação a sua privacidade, pode ficar tranquilo que o Consumidor Positivo da Boa Vista não apresenta detalhes sobre movimentações bancárias, Imposto de Renda ou bens patrimoniais.

Além de tudo, ele pode ser utilizado por pessoas que também estão inadimplentes.

Para realizar o “Cadastro no Consumidor Positivo Boa Vista“, basta acessar o site da empresa. No site, é só iniciar o preenchimento de um cadastro simplificado, acessando o “Menu Superior do Site”.

Neste cadastro serão pedidos:

  • E-mail pessoal
  • Crie um senha
  • Nome completo
  • CPF
  • Data de nascimento
  • Celular. É bem simples e rápido de fazer

Depois de realizado este cadastro, basta  clicar no campo “Cadastro Positivo” e fazer a adesão, escolhendo a opção “Participe Online“, com a opção “Utilizando meu Certificado Digital“.

Depois é só preencher o formulário de autorização, conferir os dados e inserir o PIN do certificado digital para a autenticação. Seguindo estes passos, você estará pronto para começar seu cadastro positivo boa vista.

A partir destas ações, será mais fácil controlar o Score e as informar as movimentação do seu CPF.

Porque é importante cuidar do CPF e evitar o nome no SCPC

Manter seu nome limpo é uma das atitudes financeiras mais inteligentes e saudáveis que um cidadão pode tomar. Ter seu nome sujo, como a expressão popular afirma, significa ter seu CPF está negativado por falta de pagamento de compromissos com credores.

Isto ocorre quando um devedor deixa de pagar contas, sem distinção, desde as pequenas até as grandes dívidas.

Se você não paga contas de consumo como: energia elétrica, carnês de lojas, boletos ou outras dívidas, o atraso leva os credores a protestarem a dívida nos órgãos de cobrança e a consequente inadimplência acarreta à negativação do CPF.

Com a negativação, você não pode adquirir bens, como carros, imóveis e até mesmo produtos caros. Além disso, há o risco de penhora do bem que você já possuí.

Empresas podem não contratar pessoas com nome sujo, já que muitas deles fazem esta verificação.

Quem está com nome sujo também não pode usar crédito pré-aprovado, solicitar cheques e cartões de crédito ou obter empréstimos bancários ou financiamentos em muitas agências.

Mantenha seu nome limpo e realize o seu cadastro no Consumidor Positivo Boa Vista. Ele pode ser a solução para melhorar as chances na hora de solicitar um novo empréstimo com mais tranquilidade e sem estresse.