Como conseguir taxa de DOC e TED grátis?

Como conseguir taxa de DOC e TED grátis
Confira lista de bancos com DOC e TED grátis. Descubra como se livrar do pagamento de taxa de DOC e TED e como abrir sua conta corrente digital…

“DOC e TED grátis? Esses dois tipos de serviços bancários são algumas das formas que encontramos disponíveis para fazer transferências de dinheiro entre contas de bancos e instituições financeiras com apenas algumas cliques ou informações”

Com a avanço tecnológico, os meios de pagamentos tem evoluído no intuito de ajudar clientes e usuários bancários no envio de dinheiro para qualquer banco do mundo sem correr riscos e desconfortos de enviar dinheiro pelo correio, andar com grandes quantias pelas ruas ou passar cheque ao portador.

Hoje, podemos utilizar um dos milhares de postos 24 horas, caixas eletrônicos em farmácias, supermercados e lojas de conveniência, além do acesso telefônico pela rede fixa, celular, smartphones ou em devices ligados a Internet é possível transferir dinheiro em minutos para pagar ou mandar dinheiro a qualquer momento.

TED, DOC ou enviar dinheiro com Cheque?

Claro que enviar dinheiro eletronicamente facilita demais as coisas, principalmente porque o uso de cheques não é mais uma forma segura de enviar dinheiro, ainda mais que este tipo de transação esta cada vez mais fora de uso.

A tecnologia bancária que está aí em franca evolução, farão dos meios de pagamentos e transações financeiras se tornarem tarefas muito mais fáceis de solicitar e cada vez menos burocráticas.

Esses assuntos podem ser do seu interesse:

Como funciona a cobrança para enviar TED e DOC em bancos?

Quando uma pessoa possui conta bancária corrente ou poupança no mesmo banco que o emissor (transferência entre contas do mesmo banco), normalmente os bancos e instituições financeiras não fazem a cobrança pelo envio da transferência.

No entanto, quando é preciso mandar dinheiro para uma pessoa ou empresa que possui conta diferente do nosso banco, dificilmente o custo de transação é eliminado, ela vem no extrato como tarifas bancária.

Contudo, existem muitas alternativas no segmento que você não terá que pagar nada, ou seja, TED e DOC grátis! Continue lendo para saber mais..

Quais são os tipos de transferência bancárias mais comuns?

Como já comentamos em alguns artigos aqui no blog, no Brasil existem diferentes tipos de transações financeiras exclusivas para a realização de transferência de dinheiro e, dependendo da sua necessidade, é possível escolher a mais apropriada.

1. Transferência de dinheiro para o mesmo banco

Podemos chamar esta operação de transferência de dinheiro interna. Vamos ver um exemplo prático: todos os bancos podem realizar a transferência interna, ou seja, quando a conta do emissor e do recebedor são contas do mesmo banco.

Nesse tipo de transferência em geral não é cobrada, a transferência é gratuita e o dinheiro é transferido para a outra conta de destino em poucos minutos, senão segundos.

2. Transferência de dinheiro para outro banco

Quando a transferência é feita para um outro banco ou instituição financeira, quem vai enviar o dinheiro precisa optar entre enviar um DOC ou uma TED.

A principal diferença entre essas duas modalidades de transferência é o tempo que o banco gasta para disponibilizar o dinheiro na outra conta. Veja!

  • DOC – o dinheiro é transferido no próximo dia seguinte ao envio
  • TED – a transferência da quantia enviada ocorre em poucos minutos.

Mas há outras diferenças importantes que você precisa saber. Saiba mais sobre as diferenças entre DOC e TED.

Por que enviar DOC ou TED custa caro?

N’ao há um limite estabelecido pelos órgãos reguladores como o BC ou a Febraban, por isso, cada instituição pode decidir o quanto ela vai cobrar dos seus clientes e usuários por cada DOC e TED solicitado e enviado através do seu sistema.

O custo de manutenção da operação não é alto para as instituições, basicamente só há o custo da compensação, mas, não se esqueça de uma detalhe importante, os bancos não querem que você retire o seu dinheiro da banco para enviar para outro banco.

Como saber quanto custa pelo DOC ou TED no seu banco?

O Banco Central tem uma lista de divulgação dos valores das tarifas cobrados pelos bancos e instituições financeiras. Você pode consultar o valor acessando aqui.

Fique atento! A maioria dos pequenos e grandes bancos em geral não cobram o valor da taxa para transferência diretamente na sua conta. Normalmente o valor está embutido no valor mensal cobrado como “pacote de serviços“, mas aparenta ser grátis, se você passar do limite de operações, um valor é cobrado separadamente.

Verifique no seu pacote de serviços quantos DOCs e TEDs estão incluídos para usar mensalmente para ter uma noção de quanto que efetivamente você esta pagando por transação.

Obs: Vale mencionar que existem diferentes tipos de contas e diferentes tipos de clientes, baseados nisto, muitos bancos isentam de tarifas os clientes que fazem muitas movimentações ou possuem quantias reservados em investimentos. É o famoso jogo do eu te ajudo você me ajuda!

Como se livrar do pagamento de taxa de DOC e TED?

Nos últimos anos a concorrência entre bancos e instituições financeiras tem se tornado acirrada, a solução para muitos bancos foi mudar sua estratégia de relacionamento com seus clientes. O custo de algumas operações se com a desculpa de que eles possuem uma grande estrutura de atendimento e sem dúvidas muito cara.

Alegam custos altíssimos com despesas para manter agências, funcionários, despesas com publicidade e marketing que tornam os servições caros e sendo repassado para a conta dos clientes.

Por sorte, os clientes e usuários bancários nesse momento tem acesso fácil aos bancos digitais, um modelo de negócio surpreendente, com custo barato, com formato simplificado de atendimento e muito inteligente.

DOC e TED grátis em Banco Digital

Ao optar em ter uma conta corrente em um banco digital, clientes e usuários bancários apesar de estarem limitados ao uso somente pela Internet com o auxilio de computadores ou aparelhos móveis, tem muito mais agilidade, comodidade, menos burocracias e custos muito menores para manter seu dinheiro circulando do que em bancos tradicionais.

Para quem tem dinheiro sobrando em poupanças ou investimentos mal remunerados, saiba que muitos dos bancos digitais operando no Brasil possuem oportunidades excelentes para quem deseja fazer investimentos de curto, médio ou longo prazo.

Alguns bancos digitais possuem taxas e tarifas bem menores, outros tem serviços totalmente gratuitos.

Você pode querer saber mais sobre as contas digitais encontradas no Brasil:

Normalmente não cobram nenhuma tarifa, é quase tudo gratuito: desde a manutenção da conta (sem pacotes de serviços), DOC e TED grátis, os pagamentos de contas, boletos etc., podem ser feitos sem restrição (são ilimitados) e muitos mais.

O melhor de tudo é poder abrir sua conta corrente digital em poucos minutos através dos sites online ou pelos aplicativos dos bancos e financeiras, sem precisar ir a uma agência ou assinar papéis. Se livrar das tarifas de DOC ou TED não custa nada!

Itaú Empresas: produtos e serviços de crédito

Itaú Empresas produtos e serviços de crédito
Itaú Empresas é feito para seu comércio, loja e negócio com diversidade de produtos e serviços para todas as necessidades financeiras…

“O Itaú Empresas é o segmento empresarial do banco Itaú que possui as melhores soluções financeiras para cada tipo de necessidades do seu negócio.”

Com as mudanças no cenário nacional, se tornar um empreendedor de sucesso voltou a ser o sonho de muitos dos brasileiros.

No entanto, para atingir esse objetivo, uma grande parcela dessas pessoas acaba esbarrando na dificuldade em obter dinheiro ou crédito para iniciar e por em prática os seus planos.

Na maioria das tentativas, as instituições financeiras tradicionais impõem diversos impedimentos e procedimentos burocráticos e impeditivos. Mas, hoje, vamos conhecer o Itaú Empresas, um dos melhores serviços voltados para ajudar novos negócios.

Itaú Empresas

A escassez de serviços de crédito para empresários e a dificuldade em ter acesso àqueles disponíveis são um problema enfrentado por muitos dos micros, pequenos e médios empreendedores.

Nesse sentido, o Itaú Empresas é um produto financeiro criado exclusivamente para atender essas necessidades. Esta pensando em ampliar a sua área de atuação ou até mesmo começar a sua empresa?

Então, no texto de hoje vamos apresentar para você a solução financeira que estava faltando para o seu negócio.

Continue sua leitura e entenda mais sobre o Itaú Empresas e todas as facilidades que ele oferece. Acompanhe a leitura até o final!

Precisa de conta jurídica no Itaú Empresas?

Iniciar uma pequena empresa ou expandir um negócio já existente é uma tarefa que demanda a aplicação de recursos. Porém, como já dissemos anteriormente, nesses casos é comum que os empresários não disponham do montante necessário para fazê-lo, pelo menos de início.

A gestão de um negócio é outro ponto que deve ser levado em consideração, afinal, não é uma tarefa fácil para ninguém. Dito isso, vale destacar que o setor financeiro é o coração de todas as empresas. Ou seja, a organização financeira é vital para o funcionamento de qualquer negócio.

Além de oferecerem algumas linhas de crédito que podem ser aplicadas em empresas, as contas jurídicas permitem uma melhor gestão de todas as contas da organização. Ainda, a contabilidade é outro fator determinante para a regularização do empreendimento.

Afinal, são gerados não apenas lucros, mas existem também gastos que precisam ser controlados, tributos que devem ser pagos, relatórios e muitos cálculos. Portanto, separar as movimentações de pessoas físicas e jurídicas é um procedimento crucial para se manter legal perante os órgãos fiscais do país.

Ou seja, pessoa física e pessoa jurídica devem ser cuidadas como duas pessoas totalmente distintas, ainda que você seja o único proprietário da sua empresa. Organizar as contas empresariais, nomeadas e identificadas corretamente, é fundamental para a saúde financeira de sua instituição.

conta jurídica no Itaú Empresas

Como abrir uma conta empresarial no Itaú?

O primeiro passo é definir a instituição bancária para ter a sua conta corrente jurídica. Em linhas gerais, as principais redes bancárias do país operam da mesma forma. Portanto, os principais fatores não estão necessariamente relacionados a bandeira ou os serviços básicos das instituições financeiras.

Contudo, é fundamental estar atento a outros quesitos que podem fazer toda a diferença no final de uma transação, que podem ser:

  • Taxas de juros praticadas por cada instituição
  • Tarifas cobradas pelos serviços ofertados
  • Atendimento personalizado, localização e, principalmente os produtos diferenciados que são oferecidos

Benefícios do Itaú para empresas?

Clientes do banco Itaú possuem diversos benefícios exclusivos e facilidades disponíveis para otimizar a sua rotina.

Com aplicativos móveis disponíveis para celulares, smartphones, tablets e/ou computadores, é possível ter acesso a conta e diversos serviços a poucos cliques e a qualquer hora do dia, inclusive pegar o empréstimo pessoal Itau com taxas especiais.

Ou seja, fica muito mais fácil organizar e controlar as finanças da empresa de forma segura e rápida. Ainda, o Itaú Empresas oferece para seus clientes uma série de recursos personalizáveis com o intuito de atender às principais demandas de cada negócio, de acordo com as necessidades do empreendedor.

Como funciona a “Conta Certa” no Itaú Empresas?

O Itaú Empresas oferece a seus clientes a “Conta Certa“, um pacote de serviços que foram criados exclusivamente para contas empresariais. Dentre os serviços estão, por exemplo, a emissão de boleto, transferências de valores para outros bancos e custódia de cheques. Tudo isso pode ser contratado por uma mensalidade única.

Ao adquirir um pacote o cliente gasta menos do que se contratasse cada serviço separadamente.

Atualmente existem 4 modelos de Conta Certa, que variam de acordo com as quantidades de serviços oferecidos — e cada uma pode se ajustar melhor à sua empresa. Vale lembrar que os serviços utilizados além do limite disponível em cada pacote é cobrado a parte.

Quanto mais serviços são contratados, menor é o custo de cada transação. E, ainda, se o cliente quiser alugar uma maquininha de cartões Rede, há uma redução no valor dos pacotes básicos da Conta Certa.

Há também alguns programas de relacionamento de acordo com valores investidos e movimentados nas contas empresariais.

Conta Certa 4: para clientes que faturam até R$ 25 mil por mês; valor da mensalidade: R$77,00

Conta Certa 3: clientes que faturam até R$ 40 mil mensais; a mensalidade custa R$143,00

Conta Certa 1 e 2: indicada para os clientes que faturam cerca de R$ 80 mil por mês; o valor da mensalidade varia entre R$283,00 e R$420,00.

Como abrir uma conta empresarial no Itaú?

Para abrir a sua conta é muito simples. Você pode acessar o site e preencher alguns dados iniciais para escolher a agência mais próxima para ser atendido. Após enviar algumas informações, você receberá um e-mail com a confirmação da solicitação de abertura.

O próximo passo é ir até a agência bancária que foi escolhida e apresentar toda a documentação exigida para a abertura da conta. Veja, a seguir, os principais documentos necessários para abertura de uma conta empresarial:

  • Documento de identificação (RG, CNH ou Passaporte)
  • CPF
  • Comprovante de endereço atual
  • Comprovante de inscrição no Cadastro Nacional das Pessoas Jurídicas — emitido pela Receita Federal
  • Cópia do Contrato Social — o documento deve estar atualizado (com a última alteração, caso houver)
  • Comprovante de endereço da empresa
  • Autorização de representante legal da empresa para abertura de conta

Vantagens e desvantagens da conta Itaú Empresas

Dentre as vantagens da Conta Certa do Itaú Empresas podemos destacar o pagamento de uma mensalidade fixa para ter acesso aos serviços bancários.

Se você escolher o pacote que melhor se encaixa às necessidades da sua empresa, o valor pago pode ser um bom investimento pelo atendimento prestado. Sem contar que é mais fácil tratar das finanças quando alguma cobrança é fixa.

Além disso, o Itaú Empresas permite que mesmo os negócios recentes ou pequenos consigam se modernizar.

É uma boa oportunidade para os empreendedores que estão começando e ainda não conseguem girar muito dinheiro no caixa de suas empresas. Esta é uma forma de se expandir financeiramente.

Por outro lado, se você não souber usar corretamente o pacote de serviços pagos e tiver que recorrer aos serviços extras, a conta no final do mês pode acabar saindo bastante cara.

Por isso é muito importante que na hora de contratar a Conta Certa você escolha a mais indicada para o tamanho e perfil de sua empresa. Assim, ficará mais fácil controlar as despesas mensais.

Concluindo, a Conta Certa do Itaú Empresas é uma boa opção para quem quer colocar os pagamentos e recebimentos todos em ordem. Se você tem uma empresa e ainda não possui conta jurídica, pode estar na hora de rever sua organização financeira e se modernizar.

Gostou das dicas do nosso texto de hoje? Agora que você já sabe como decolar com as finanças da sua empresa, que tal compartilhar este conteúdo com seus amigos? Assim, todos podem aprender e crescer juntos!

Seguro de empréstimo pessoal

seguro de empréstimo pessoal
Sabia que um seguro de proteção de empréstimo pessoal ajuda a cobrir a incapacidade de pagar parcelas..

Seguro de empréstimo é opcional ou obrigatório? Essa sim é uma questão importante. Alguma vez você já se perguntou o que pode ser feito se você não puder pagar seu empréstimo pessoal? Qualquer situação, como um retrocesso financeiro devido ao desemprego, desajuste súbito da saúde ou até mesmo a morte.

Muitas coisas podem trazer um contratempo na sua vida financeira em relação a problemas no equilíbrio das finanças, com a falta de dinheiro e restrições no nome e consequentemente registro como negativado. Sabia que um seguro de empréstimo pessoal é hoje considerado como a melhor solução para resolver essas questões.

É por isso que neste artigo, estaremos falando sobre seguro de empréstimo pessoal. Para entender tudo sobre esses assunto leia até o final, você vai gostar.

O que é seguro de empréstimo pessoal?

Até recentemente, o seguro de empréstimo era um conceito que só estava disponível para empréstimos imobiliários. No entanto, agora também se tornou disponível em outras formas de crédito, incluindo seguros para empréstimo pessoal e crédito consignado.

Um seguro de proteção de empréstimo pessoal ajuda a cobrir a incapacidade de reembolsar o empréstimo devido a circunstâncias infelizes, como morte repentina, desemprego ou devido a condições de saúde.

A responsabilidade de reembolsar o empréstimo pessoal não recairá sobre os dependentes ou sobre a sua família. Você pode optar por pagar o prêmio junto com seus pagamentos do empréstimo mensalmente. Você também pode pagar antecipadamente o prêmio.

Agora que você sabe o que é um seguro de empréstimo, aqui estão alguns fatores que você precisa considerar antes de solicitar um.

Verifique sua condição financeira

Pagar por um seguro de crédito ou empréstimo pessoal será uma despesa extra? Nem sempre. Em alguns casos é necessário avaliar se você está financeiramente confortável para pagar o valor adicional junto com as parcelas do empréstimo que quer tomar.

Fazer um seguro pode sim evitar contratempos desfavoráveis, então, tente encontrar um espaço nas suas finanças, seja para pagar em parcelas ou em à vista. De uma forma ou de outra, apesar de trazer mais segurança para você e sua família, torna o processo do pedido de dinheiro financiado mais caro – mas, vale a pena!

Não é obrigatório fazer o seguro? 

O seguro de empréstimo não é obrigatório para os tomadores de empréstimo pessoal, empréstimo bancário e outras linhas de empréstimos. Pode haver situações em que o banco pode vendê-lo para você separadamente. No entanto, é você quem decide se inclui ou não.

Por exemplo, um seguro de empréstimo pessoal não é útil se você tiver uma quantidade significativamente maior de cobertura de seguro de vida ou outros tipos de seguros que apoiam sinistros que o seguro de empréstimo cobre.

Vale mencionar que alguns tipos de empréstimo, essa opção de optar não existe, ou seja, o seguro já está embutido no valor das parcelas independente de você querer ou não, esse é o caso do empréstimo consignado, empréstimo imobiliário, e outras modalidades para empresas e microcrédito.

Cobertura do seguro de empréstimo

A cobertura é algo que difere entre as seguradoras e administradoras, cada qual tem suas próprias políticas, termos e prazos, no entanto, alguns aspectos são iguais em sua maioria, abaixo você vai ter uma  ideia aproximada de como seria:

  • Cobertura por Morte: até 200% do saldo inicial do seu empréstimo, cobertura limitada a R$ 100.000,00.
  • Desemprego Involuntário: até 12 parcelas de até R$ 1.000,00 (cada) (carência: 31 dias e franquia: 31 dias).
    Elegibilidade: segurados que, na data do desligamento, tiverem vínculo empregatício (regime CLT) de no mínimo de 12 (doze) meses ininterruptos com o mesmo empregador.
  • Incapacidade Física Total e Temporária (IFTT): até 12 parcelas de até R$ 1.000,00 (cada) (carência: 31 dias e franquia: 15 dias), em decorrência de acidente ou doença que o impeça de realizar toda e qualquer atividade laborativa, exceto se decorrente de Riscos Excluídos e observadas as disposições desta Cobertura e as constantes das Condições Gerais.
    Elegibilidade: profissional liberal ou autônomo em atividade profissional, que possua documento contábil/fiscal comprobatório da atividade exercida.

Compare diferentes ofertas de seguro de empréstimo pessoal

Muitas vezes, um seguro de empréstimo pessoal será parecido como uma venda casada quando o gerente ou sistema do banco informa sobre essa opção. No entanto, isso pode se tornar um problema, já que ao comparar, esse custo não é informado na taxa de juro inicial o que pode prejudicar sua analise de qual credor tem a melhor oferta.

As ofertas de crédito diferem de empresa para empresa, isso todos nós sabemos, contudo, você precisa estar atento as tarifaz adicionais. Portanto, é necessário fazer uma comparação de ofertas em diferentes credores tendo por base o CET.

Além disso, existem muitas coberturas de seguro de empréstimo que não cobrem situações como a perda de emprego. Por outro lado, se você é um profissional liberal ou autônomo, não poderá se beneficiar do mesmo.

Conheça seu seguro de empréstimo pessoal 

É aconselhável conhecer todos os termos do serviço oferecidos antes de optar por um seguro do empréstimo. Isso ajudará a evitar situações em que você não pode reivindicar o seguro.

É importante dizer também que você não é obrigado fazer o seguro que o bancos ou credor te oferecer, como consumidor, tem o total direito de comparar em uma segurador o seguro que melhor se adequar ao seu perfil de cliente e financeiro, claro!

Verifique termos em caso de antecipação

Na maioria dos casos, quando você encerra (quita antecipadamente) um empréstimo antes do prazo definido, é provável que você perca os benefícios do seguro associados a ele. Portanto, você deve saber se haverá reembolso do valor pago ou se será anulado.

Caso você tenha pago o valor do seguro à vista, certamente terá valores a serem restituídos se você quitar o empréstimo antes do prazo, observe se ao parcelar, ele foi diluído por todo o período, se for, não existe restituição

Fazer um seguro para seu empréstimo pessoal é sempre uma boa opção, desde que você faça a lição de casa completa sobre os termos e condições do serviço oferecido.

Para guiar sua escolha, nós fizemos uma verificação da taxa de juros do empréstimo pessoal de credores parceiros e demais bancos para você ter uma ideia.