3 empréstimos da Caixa sem Consulta!!!

3 modalidades de empréstimos da Caixa
Os empréstimos da Caixa são linhas de crédito que podem ser utilizados como quiser, há diversas opções para você escolher sem burocracia…

“Para quem deseja empréstimos da CAIXA, o que não falta são modalidades e linhas de crédito especial e exclusivos que liberam crédito para quem tem score alto, até quem não passa na consulta do Serasa e SPC por ter nome com restrição.”

Nos últimos anos a procura por empréstimos pessoais tem crescido absurdamente, principalmente por que a modalidade de empréstimo com restrição virou a bola da vez.

Hoje no mercado de crédito brasileiro, temos acesso as melhores empresas de empréstimos que liberam facilmente desde poucas quantias em dinheiro até milhares de reais até mesmo para pessoas que estão com o nome negativado por causa de pagamentos não cumpridos e outros fatores financeiros.

Para muitos brasileiros a consulta aos órgãos de crédito, ou seja, quando uma empresa, banco ou financeira consulta o CPF em busca de registros como devedor, “pode ser muito constrangedor”.

Vale mencionar que em muitas instituições no Brasil, ter o nome sujo é sim sinônimo de reprovação em pedidos de financiamentos, empréstimos pessoais e até cartões de crédito, com exceção do pré-pagos.

Vamos falar sério… quando uma solicitação de crédito é negada pode sim trazer problemas sérios, imagina precisar de dinheiro para uma emergência e ter o pedido negado ?!

Para piorar, muitas das transações bancárias precisam que o solicitante tenha um score de crédito bom ou excelente.

Contudo, se você está precisando de dinheiro mas está com o nome sujo (está com restrição no nome), existe na CAIXA algumas soluções?

A partir daqui listaremos três opções de empréstimos da CAIXA Econômica Federal criados especialmente para tomadores de crédito que não faz a consulta ao SPC ou Serasa tradicional nas instituições. Conheça-as a seguir!

Tipos de empréstimos da CAIXA oferecidos sem consulta


1. Penhor da Caixa: sem consulta

A CAIXA Econômica tem soluções especiais para quem está com o nome restrito ao crédito mas precisa de empréstimo urgente, uma dessas opções é o Penhor.

O Penhor consiste em entregar bens pessoais de valor como “garantia de pagamento”. Nessa linha de empréstimo pessoal, a CAIXA não faz a consulta do CPF, além disto, a modalidade libera grandes quantias ao mutuário (até R$ 100 mil ou mais).

O Penhor da CAIXA tem uma das menores taxas de juros aplicadas do mercado.

Para ter acesso ao dinheiro emprestado de forma fácil e rápida, o solicitante coloca como garantia alguns tipos de joias, em geral ouro como no mínimo 12 quilates, relógios de valor, canetas raras, metais nobres, diamantes, pérolas, e outros bens (confira aqui).

O valor emprestado ao ser aprovado no Penhor pode chegar até 85% do valor avaliado. Mas tem um detalhe importante, caso você fique inadimplente, o bem dado com garantia vai a leilão para cobrir os custos do banco!

2. Crédito consignado com garantia do FGTS

Todo trabalhador tem acesso ao “Fundo de Garantia por Tempo de Serviço”, esse benefício é mais conhecido por todos como FGTS.

Atualmente os brasileiros que possuem saldo no FGTS consegue usar o fundo para conseguir dinheiro através de empréstimos, mesmo quando o seu nome está relacionado nos relatórios de devedores do Serasa e também do SPC ou Boa Vista-SCPC.

Esse dinheiro do seu Fundo fica em poder da CAIXA em uma conta especial, e desde 2018 essa grana pode servir como garantia para tomada de empréstimos pessoais, nessa linha de crédito, a liberação se dá através do empréstimo consignado.

Quanto ao valor máximo liberado no crédito, é de até 10% do disponível no Fundo, os juros aplicados serão de até 3,5% ao mês, e uma parte dos 40% da multa em caso de demissão sem justa causa.

O valor máximo totaliza 50% do valor que você possui no FGTS. Se você possui R$ 30 mil de FGTS, o empréstimo liberado será de até R$ 10 mil.

No entanto, para acessar a modalidade, a empresa que você trabalha deve possuir convênio ativo com a Caixa e estar depositando em dia o Fundo de Garantia. Atualmente somente a CAIXA tem autonomia para liberar esse tipo de empréstimo consignado, contudo, os demais bancos estão brigando para também poderem oferecê-lo aos interessados.

3. Empréstimo consignado da CAIXA

Empréstimo sem fiador ou avalista ou a necessidade de consulta nos bureaus de crédito, pois é, na CAIXA o cidadão encontra muitas vantagens especiais e as melhores condições para conseguir dinheiro emprestado mesmo estando pendente com compromissos financeiros não saldados.

Essa linha de empréstimo da CAIXA serve para funcionários de empresas privadas (consignado privado), órgãos conveniados, aposentados e pensionistas do INSS (Consignado público).

Existe algumas vantagens ao fazer o empréstimo consignado da CAIXA, ex: as parcelas são descontadas diretamente do benefício do INSS, salário ou soldo, outra é que o mutuário pode antecipar a liquidação do saldo devedor a qualquer momento.

Nessa modalidade a burocracia é praticamente zero, Na CAIXA você não vai ter o CPF consultado, não vai precisar apresentar avalista e seu crédito fica disponível rapidinho.

tipos de empréstimos da caixa econômica federal

O valor máximo do empréstimo é calculado de acordo com o seu salário ou benefício e a prestação não ultrapassa 30% do que você recebe.

Como funciona o empréstimo consignado da CAIXA?

Você pode contratar um ou mais empréstimos sem avalista. A prestação é descontada direto na sua folha de pagamento ou benefício. E se você recebe salário com com a CAIXA, pode contar com muito mais vantagens na contratação desse crédito.

Se não recebe, a opção é solicitar a transferência automática de salário e aproveite todos os benefícios. Se além disso, sua empresa empregadora é do setor privado, opte pela contratação de Crédito Consignado com Garantia de FGTS e tenha acesso à taxas de juros diferenciados.

Será que os empréstimos da CAIXA valem a pena?

Nas situações de empréstimos da CAIXA, tanto para quem deseja penhorar bens (Penhor da Caixa), usar o empréstimo FGTS ou usar o salário ou benefício da aposentadoria e/ou pensão como garantia, todos estes empréstimos podem ser uma excelente opção e com certeza vale a pena dependendo do seu momento financeiro.

Dica

Nossa dica é usá-los principalmente para acabar com dívidas mais caras ou consolidar dívidas. Contudo, você deve saber que ao tomar qualquer tipo de empréstimo, é preciso ter cuidado para não perder o controle financeiro.

Caixa MoveisCard – Funciona? Onde fazer?

Caixa MoveisCard - Onde fazer? Como funciona?
O Móveiscard é uma linha de crédito criado para a compra de bens de consumo duráveis novos para a sua casa, exclusivo para clientes CAIXA..

“Já ouviu falar do Caixa MoveisCard? Hoje os bens duráveis representam itens caros que têm vida útil prolongada, por isso os consumidores fazem compras apenas quando confiam que podem pagar.”

Mas, e quando a aquisição é necessária e não se tem reserva financeira necessária?

O Caixa Móveiscard é uma linha de crédito para a compra desses bens de consumo. No Brasil a Caixa atua a mais de 157 anos no mercado de crédito e finanças, sua missão é ser mais do que um banco na vida de todos os brasileiros. Ao contrário de outras instituições, a Caixa Econômica é uma empresa 100% pública, ela desempenha um papel de extrema importância no desenvolvimento social e urbano do país.

A CEF como também é conhecida, intervém no dia a dia dos cidadãos através dos programas sociais do governo, como FGTS, Fies, Bolsa Família. O Caixa MoveisCard está diretamente ligado ao “Programa Minha Casa Minha Vida”, uma vez que é exclusivo para clientes CAIXA do programa e para correntistas das operações 001 e 023.

Como fazer o cartão da Caixa MoveisCard?

Este é um serviço não muito divulgado, por isso a grande dúvida sobre onde solicitar o cartão MoveisCard é recorrente. Vamos listar três passos importantes e primordiais para que o cliente consiga realizar a simulação e a solicitação do cartão com sucesso e sem maiores complicações.

1 – À priori, o cliente deve se dirigir até uma das agências da Caixa Econômica Federal levando consigo toda a documentação necessária. Junto ao gerente, ele poderá fazer uma simulação do valor e verificar todas as taxas incidentes sobre a linha de crédito.

O simulador é a melhor forma de o cliente conseguir traçar o seu planejamento financeiro, a quitação de sua dívida e em como procederá com relação ao seu investimento.

2 – Por conseguinte, após o preenchimento dos devidos formulários e a entrega do documento, o usuário deverá aguardar a análise de crédito.

3 – A CEF analisa minuciosamente toda a documentação para posteriormente conceder o cartão. Caso seja aprovado, o cliente receberá o Caixa MoveisCard no endereço informado dentro do prazo de até 10 dias úteis, podendo assim utilizá-lo nas lojas credenciadas.

Essa linha de crédito é exclusiva para correntistas e beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida, portanto o interessado que deseja usufruir dos benefícios do MoveisCard e ainda não é cliente, precisa primeiramente se dirigir até a agência mais próxima e abrir uma conta corrente para posteriormente solicitar o cartão.

Documentos necessários para aquisição

  • Documento de identidade com foto válido
  • CPF regular na Receita Federal
  • Comprovante de endereço atualizado
  • Última declaração de Imposto de Renda, se o contribuinte não for isento
  • Últimos 3 comprovantes de renda

Benefícios e vantagens do Cartão MoveisCard

A Caixa MoveisCard oferece um limite de crédito de até R$10.000,00 por CPF para os beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida e até R$ 20.000,00 para correntistas do banco. O cliente tem um prazo de 3 meses para utilizar o valor emprestado e até 60 meses para quitá-lo.

O limite é disponibilizado em um cartão que ele utilizará como débito, possibilitando a negociação de descontos junto ao vendedor como em qualquer compra à vista. Todas as taxas de juros e prazos de pagamento são acordadas junto à CEF somente.

Além disso, o cliente não sofre com juros exorbitantes, pois com o Caixa MoveisCard os juros são reduzidos, com a taxa variando entre 0,90 % e 1,80% ao mês. Se você recebe o salário em uma conta do banco, os juros são ainda menores.

Sendo assim, as compras efetuadas com o Cartão MóveisCard saem com preços bem mais acessíveis do que se o usuário fosse optar por um empréstimo pessoal, um financiamento ou cartão oferecido pela loja.

Simulador MoveisCard Caixa

Você pode ir até uma agência próxima da Caixa Econômica e fazer uma simulação do seu crédito, quanto você irá pagar, as taxas e juros que podem ocorrer.

O gerente ou o responsável do programa irá calcular e informar qual é o valor máximo que o banco pode oferecer como crédito e quais são as condições de pagamento. Isso irá depender do valor do salário do interessado, suas condições etc.

Onde comprar com o MoveisCard da Caixa?

O cartão MoveisCard não é como os demais plásticos de bancos e financeiras emitidos para compra direta ao consumo, nesse caso, não são todas os estabelecimentos e lojas que o cartão é aceito. O que o torna inviável para algumas regiões.

Desta forma, se você pretende solicitar esse tipo de opção de crédito na Caixa Econômica, primeiro de tudo você deve se informar onde realmente poderá utilizá-lo. No site da Caixa Econômica Federal tem uma ferramenta online simples de usar que é possível localizar todas as lojas e comércios disponíveis em diversas cidades, pode ser que haja uma loja que aceita em sua região.

Resumo e outras informações relevantes

A grande maioria do clientes da Caixa podem ter acesso facilitado ao Cartão MoveisCard para comprar bens duráveis ou até utilizá-lo como cartão de débito. No entanto, as compras só poderão ser efetuada em lojas que estão cadastradas ao programa MoveisCard.

Para saber quais lojas são conveniadas, acesse este site.

Gostou do post e dos esclarecimentos que ele ofereceu sobre o simulador Caixa MoveisCard? Então que tal nos seguir em nossas redes sociais para ficar sabendo de todas as novidades a aproveitar para curtir a publicação? Contamos com você para isso!

Empréstimo com Penhor: Como funciona? Onde fazer?

Empréstimo com penhor de bens da Caixa e lojas de penhor
O penhor para pegar um empréstimo é a apresentação de um bem de valor que é entregue para uma instituição como garantia de pagamento.

Que o empréstimo pessoal rápido é uma modalidade de financiamento de dinheiro muito utilizado nos dias atuais é fato. E.. dentro dessa categoria existem diversas opções e classificações diferentes que visam aproximar cada vez mais daquelas pessoas que precisam ter acesso ao crédito de forma rápida, sem muita complicação, até mesmo para quem está negativado e está com restrições no nome.

Nesse cenário, o empréstimo com penhor de bens — ainda que pouco conhecido e divulgado — faz parte de uma dessas alternativas que estão disponíveis no mercado. A categoria é, assim como todas as outras, totalmente independente, ou seja, possui as suas próprias regras de concessão e custos operacionais.

Portanto, conhecer essa modalidade com mais precisão é algo fundamental para se relacionar com esse tipo de financiamento para saber solicitá-lo da forma correta.

De modo geral, o penhor para empréstimo representa a apresentação de um bem de valor que é entregue para uma instituição como garantia de pagamento.

Ficou interessado no assunto, mas não sabe como funciona?

Neste artigo abordaremos quais as principais características e informações relacionadas ao empréstimo com a penhora de jóias, bens e objetos de valor. Continue a leitura até o final para entender muito mais sobre este meio sem burocracia de conseguir dinheiro emprestado com muita facilidade!

Mas, afinal, o que é o penhor ou penhora de bens?

Como falado anteriormente, essa modalidade de empréstimo pessoal é muito utilizada por pessoas que possuem bens de valor e deseja utilizá-los na garantia da quitação do financiamento. Esses bens podem ser diversos objetos — desde que possuam um valor considerável — sendo eles, principalmente compostos por joias, relógios e utensílios de ouro, automóveis e imóveis de todos os tipos.

Essa linha de crédito tem o intuito de ceder uma parte do valor solicitado pelos clientes que procuram taxas mais baixas. A ideia é reduzir o custo total das operações do empréstimo e se livrar de toda burocracia que geralmente são maiores no mercado aberto das finanças. Portanto, com a contrapartida da penhora, as instituições se sentem mais seguras, pois não estarão com 100% do risco de prejuízo no caso de inadimplência.

Como funciona o empréstimo com penhor?

Para conseguir esse tipo de empréstimo pessoal, os interessados devem procurar uma das agências bancárias ou instituições financeiras que disponibilizam este serviço. De modo geral, é preciso estar de posse dos bens pessoais que deseja penhorar e também estar munido de documentos pessoais como RG, CPF e comprovante de residência.

Cada estabelecimento financeiro possui os seus próprios critérios para determinar o valor de cada bem apresentado. Nesse sentido, pontos como o valor da grama do ouro, o estado de conservação dos objetos e a qualidade das peças são critérios utilizados na hora da avaliação.

Ao final dessa etapa, o crédito referente ao valor do empréstimo com penhor é liberado na mesma hora. Como se trata de haver um bem como garantia de pagamento, não existe a necessidade de uma avaliação de crédito e também não são exigidos avalistas para garantir que operação seja aprovada.

Tipos de empréstimo com penhor como garantia

Ter uma garantia é algo que ajuda conseguir um empréstimo de dinheiro. Quando pedimos emprestado uma quantia de dinheiro, concordamos com um empréstimo com penhor (em algum lugar nas letras miúdas), ou seja, seu credor pode tomar algo que você penhorou e pode vendê-lo para obter o dinheiro de volta se não haver o empréstimo combinado em contrato.

Entenda como funciona o empréstimo com penhor

Por ter garantia, possibilita ao solicitante obter grandes volumes de empréstimos e melhora consideravelmente as chances de obter aprovação se não estiver conseguindo um empréstimo por meios convencionais. Quando você promete dar uma garantia ou penhor, o credor assume menos risco, o que significa que você também pode pagar menos juros.

Podemos considerar penhor o:

  • Penhor com garantia de bens valiosos – joias, relógios, peças de ouro etc
  • Penhor com garantia de ativos, títulos e ações
  • Penhor com garantia de recebíveis
  • Penhor de maquinários e equipamentos
  • Penhor de investimentos
  • Penhor com garantia de apólices de seguro
  • Penhor de objetos de valor e colecionáveis
  • Penhor com pagamentos futuros de clientes (recebíveis)

Quais são os valores liberados e custo envolvidos?

Os valores que correspondem ao empréstimo com penhor tem uma tendência de alcançar cerca de 85% do preço do objeto utilizado como garantia. No entanto, dependendo da instituição, é possível que o valor liberado seja de até 100%. Por isso, vale a pena fazer uma pesquisa sobre os critérios de cada uma.

Além disso, o pagamento é bastante flexível, afinal, ele pode ser feito em uma única parcela dentro de um período de até seis meses ou ainda pode ser distribuído em parcelas de no máximo 60 vezes. Assim, os interessados em penhorar seus objetos de valor podem escolher a melhor forma de saldar o débito.

Os juros dessa operação podem ultrapassar o índice de 2% ao mês. Em situações onde o cliente não consiga quitar os débitos dentro dos prazos estabelecidos em contrato, os atrasos acabam gerando taxas ainda mais altas e o objeto em garantia pode estar sujeito a ser leiloado e vendido em um leilão organizado para este fim.

Onde pedir empréstimo com penhor de bens?

Atualmente no Brasil é possível encontrar diversas casas de penhor articulares. Porém, a mais procurada para esse tipo de operação financeira sem dúvidas é a Caixa Econômica Federal. A Caixa é a instituição bancária mais tradicional que realiza o empréstimo com penhor.

No entanto, é possível realizar esse tipo de empréstimo em muitas outras instituições menos conhecidas. Mas, nesse caso, é válido que os clientes consultem antecipadamente sobre a regulamentação das instituições escolhidas para evitar problemas futuros.

Quais as vantagens e desvantagens do penhor como empréstimo?

Uma das principais vantagens para quem esta procurando empréstimo deste tipo, passa diretamente pela rapidez e desburocratização em que ele é liberado para seus clientes. Além disso, as taxas de juros mais baixas são altamente atraentes, tendo em vista o mercado de inflações altíssimas.

É vantajoso pela falta de exigências na hora de avaliar a liberação dos valores também é outro ponto bastante positivo para quem está em busca de um empréstimo, melhor que fazer um empréstimo com cartão.

Qual o valor concedido com o penhor?

Outro ponto que merece destaque sobre esse tipo de financiamento é o valor concedido no empréstimo. Assim, dependendo do preço do bem a ser penhorado, a realização de um sonho pode sim estar mais próximo de se concretizar. No entanto, essa também acaba se tornando uma desvantagem, afinal, para conseguir um empréstimo de valor considerável é preciso dispor desse objeto.

Dependendo do valor do bem colocado no penhor, pode até ser possível realizar uma consolidação de dívidas e pagar pendências financeiras que possuem juros mais altos.

Outra desvantagem desse tipo de negócio é que, apesar de existirem muitos locais habilitados, ainda sim é muito difícil encontrar uma instituição sólida no mercado que transfira segurança para os seus clientes na hora de entregar seus bens. Ademais, existem taxas de juros e mesmo sendo mais baratas podem dificultar o pagamento e levar o proprietário a perder o seu objeto.

Penhor é uma opção útil para obter empréstimo?

Portanto, podemos concluir que o empréstimo com penhor é uma opção útil e vantajosa para aquelas pessoas que estão passando por um momento de dificuldade financeira ou ainda precisam resolver algum assunto emergente que necessita de investimentos não disponíveis.

Entretanto, vale salientar que essa operação requer muito estudo antecipado para evitar surpresas desagradáveis, vale pesquisar mais sobre os prós e contras do empréstimo pessoal com penhora, somente assim, você pode ficar mais tranquilo sabendo dos riscos e das vantagens.

Compartilhe conosco as suas ideias sobre isso e, quem sabe assim, ajude aos demais leitores a conhecer alguém que já viu na prática como funciona este processo.