Seja livre de dívidas de forma inteligente

fique livre de dívidas de forma inteligente
Ficar livre de divida tem que estar disposto a esperar, trabalhar e economizar para poupar com juros, além de evitar contrair novas dívidas.

“Uma das perguntas mais comuns aqui no GranaSmart é — como ficar livre de dívidas de forma rápida —, para falar sério, não tem essa de como pagar dívidas de forma rápida, e sim, como pagar as dívidas da forma correta e inteligente.”

O mais interessantes ao tentar entender pessoas e famílias que estão devendo, ou seja, que já estão comprometidos com pendências financeiras, elas:

  1. Estão com dívidas atrasadas ou pendentes — se tornaram inadimplentes.
  2. Muitos estão com nome negativados e com restrições no relatório de crédito.
  3. Boa parte recebe cobranças por carta, SMS e ligação telefônica dos seus credores.
  4. Outros, mal conseguem se sustentar com a renda do salário ou do benefício.

Mesmo pegando várias famílias ou pessoas individuais com os mesmo problemas de dívidas, uma coisa pode deixar qualquer um intrigado, olha esse cenário:

  • Família A — pagou R$ 50.000 em dívidas em 24 meses com renda anual de R$ 35.000.
  • Família B — pagou R$ 30.000 em dívidas em 18 meses com renda anual de R$ 22.000.
  • Família C — tentando pagar R$ 20.000 em 48 meses com renda anual de R$ 18.000.
  • Família D — ganha R$ 100.000 por ano, mas não consegue reduzir ou sair da dívida.

Duas dessas, as famílias A e B, estão no caminho certo para se tornarem livres de dívidas. Uma esta tentando pagar mais no meio do caminho se enrola com outras dívidas, mas está tentando. Quanto a família D, apesar de terem um renda altíssima, sequer está conseguindo pagar as dívidas de menor valor há anos.

Porque algumas pessoas conseguem se livrar das suas dívidas?

Vamos mais longe com a pergunta..

Porque algumas pessoas conseguem se livrar das suas dívidas e outras não? Embora muitos fatores possam estar fazendo parte deste jogo financeiro, uma das razões mais prováveis ​​é que as famílias que criaram novos hábito financeiros, gastam menos e economizam mais.

Quanto aos que não conseguem pagar suas dívidas, possivelmente, apesar de terem um renda alta ou equilibrada para os padrões do país, provavelmente gastam além de seu poder aquisitivo e, não abrem mão das regalias, “status” e não querem se submeter ao controle financeiro porque mudaria seus hábitos de consumo.

Mesmo vivendo com dívidas e muita tensão financeira em casa, eles não mudam. Essa é uma maneira difícil e estressante de se viver.

Livre de dívidas e livre de estresse

As pessoas que superam esse tipo de estresse, perceberam que precisavam lidar com o dinheiro de maneira diferente e fazer algumas mudanças no estilo de vida para viverem mais tranquilas com relação ao renda versus dívidas.

Quando fazemos esses ajustes necessários, começam a estabelecer certas características que são super importantes quando se trata de tornar-se livre de dívidas e permanecer com as finanças equilibradas e sob controle.

Finanças pessoais são 80% ação e comportamento e 20% planilha e matemática.

Abaixo listamos alguns dos comportamentos mais comuns de pessoas que estão se tornando livre de dívida:

Como é viver uma vida sem dívidas?

São contra a cultura da ostentação: as pessoas libertas das dívidas perceberam que a dívida não é uma ferramenta de consumo. A sociedade vive dizendo “você tem que ter cartão de crédito para sobreviver“, “você tem que fazer um financiamento para comprar um carro” e “você sempre terá fazer um empréstimo para ter o que deseja“.

A verdade é que todos que estão vivendo sem ter dívidas não é iludido por essas regras que o mercado de crédito insiste em colocar na cabeça das pessoas. Os cartões de crédito podem ser necessários sim, mas para o controle de suas despesas diárias, não para manter suas finanças e vidas diárias.

Os carros podem ser comprados com dinheiro, e não somente com financiamento. Pessoas sem dívidas, tratam este tipo de comportamento como as sobras que esquecemos dentro da geladeira. Seja a dívida ou um pedaço de bolo de festa da semana passada, eles sempre se livram disso — jogando fora!

— Ter dívida é normal, mas não é essencial!

Compre com autocontrole e disciplina

Quando se trata de fazer dívidas, deve se agir como adultos — adultos fazem planos e seguem. Não se deve adquirir dívidas feito crianças — crianças fazem o que gostam.

Alguém que realmente quer ser livre de dívida precisa terá força de vontade para passar pela seção de sapatos, pelo corredor de utilitários eletrônicos ou celulares sem fazer uma compra sequer por impulso.

É importante não ser influenciado a comprar algo simplesmente porque estão à venda com promoção naquele dia. Uma compra precisa de autocontrole suficiente para saber que ela não vai apagar os seus problemas emocionais ou fazê-los se sentir melhor.

Porquê ter disciplina? Para saber não comprar essas coisas a menos que possam pagar em dinheiro ou porque realmente é necessária. O ideal é estar disposto a esperar, trabalhar e economizar para poupar com juros e evitar contrair dívidas.

seja livre de dívidas de forma inteligente

Saiba o que fazer com seu próprio dinheiro

Uma pessoa que acredita no custo do seu dinheiro e no seu plano de controle financeiro, não se importa com o que os outros pensam deles. Eles estão bem dirigindo um carro semi-novo ou usado, porque não terão dívidas longas e pagamento a prazo.

Eles não precisam tirar férias caras apenas para postar dezenas de fotos glamourosas nas mídias sociais (Instagram, Facebook). Eles realmente olham mais para etiquetas de preço e qualidade do produto do que as marcas dos produtos. E porquê? Porque eles desistiram de ficar se amostrando ara tentarem ser melhores do que são.

E adivinha? Esse tipo de comportamento constante libera mais dinheiro para acabar com suas dívidas.

Quem se torna endividado por indisciplina, fica a cada dívida não paga mais estressados, sua confiança diminui e vive aos trancos e barrancos.

Seja organizado e disciplinado com as finanças

Não é errado ter dívidas, certo? Mas viver por causa e mantido por dívidas, é errado! Então para quem deseja ser livre de dívida, o primeiro passo é ter um objetivo. As pessoas que conseguiram realizar a proeza de pagar todas as suas dívidas, mantiveram sempre o objetivo em primeiro lugar.

Eles estabelecem metas específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com data para alcançar — sem essa de meta aberta. Eles determinam o que queriam fazer e mapeiam sua estratégia para que o plano de melhorar suas finanças eliminando as dívidas acontecesse.

Não seja consumistas ou materialistas

Alguém que é materialista coloca muita ênfase em “coisas, objetos e produtos”. Eles pegam dinheiro emprestado e devem até seus olhos da cara para pagar suas férias, feriados prolongados, seu SUV do ano e reforma casa e tantas outras.

A pessoa que está determinada a sair da dívida sabe que dinheiro não compra felicidade, então eles não caem na armadilha de querer o máximo de coisas que conseguirem como um IphoneX de R$ 6.000 em 36 parcelas ganhando R$ 1.500 por mês de salário. Eles se contentam com o que têm e não querem comprar sua felicidade com empréstimo ou financiamento.

Esteja disposto a abrir mão fazendo sacrifícios

Comer fora, ir ao cinema toda semana e ter o pacote de cabo de TV premium — esses são os tipos de coisas que uma pessoa pode ter para evitar ao se tornar livre de dívidas.

Tenha em mente que haverá a necessidade de cortes temporários em custos e despesas no orçamento para economizar dinheiro e equilibrar as finanças.

Depois que a dívida acabar, pode ser que haja mais espaço no orçamento para festejar em datas comemorativas, jantar fora e do ver filme quando quiser.

Quais os principais passos para se livrar das dívidas

  1. Entender que tem responsabilidades sobre as dívidas.
  2. Saber exatamente que dinheiro que entra e o que sai.
  3. Criar um orçamento financeiro com categorias.
  4. Determinar qual objetivos focar primeiro.
  5. Iniciar a eliminação de gastos desnecessários.
  6. Esquecer que o cartão de crédito existem.
  7. Não utilizar sem haja necessidade, o cheque especial.
  8. Negociar ou renegociar as dívidas com credores.
  9. Economizar dinheiro para formar uma reserva de emergência.
  10. Saber usar e controlar o uso do dinheiro de forma eficiente.

Quer ser livre de dívidas? Você consegue..

Quando você olhar mais de perto para suas dívidas e começar a ver que ela é algo que poderá te impedir de prosseguir ou de voltar — é hora de fazer algo a respeito.

Depois de entender sua dívida, é preciso ser paciente, fazer sacrifícios e encontrar confiança em sua capacidade de pagar tudo que esta devendo por completo.

A verdade é que a angustia que a dívida impõe, não permite que o devedor veja antes ou perceba, com um simples plano eficiente, ele estará aproveitando a vida livre de dívida mais rápido do que espera!

Você está pronto para iniciar uma jornada para se tornar livre de dívida e ter uma vida mais alegre? Aprenda como fazer isto clicando Aqui!

Faça isso se você quiser sair da divida!

Faça isso se você quiser sair da dívida definitivamente
Não temos bola de cristal para saber quando tempos difíceis irão chegar, mas podemos evitar e sair da divida quando quiser..

“Meus parabéns!  Se você esta aqui é porque já tomou a decisão de sair da divida ou esta querendo encontrar meios de ficar livre de débitos financeiros o quanto antes. Então e agora é o que?”

Algumas pessoas nunca ultrapassam esse ponto porque não sabem por onde começar.

Em geral ao invés de procurarem alternativas efetivas de sair das dividas de forma inteligente, com um plano correto que envolve a redução de débitos e encargos, a busca por mais recursos financeiros e renda extra, a eliminação de despesas e de custos supérfluos, buscam formas de fazer mais e mais empréstimos pessoais.

E se você decidir que quer sair da dívida..

Esse quadro geral é desanimador, porque as pessoas em geral desistem antes de escrever a sua primeira lista do que esta devendo. Quando se fala em usar uma planilha ou aplicativo de controle de gastos a mente fica paralisada.

A boa noticia é que você não precisa mais se preocupar, agora mesmo você está prestes a descobrir qual o primeiro passo para dizer adeus às suas dívidas!

Antes de aprender este segredo, você precisa ser avisado: estes passos podem surpreendê-lo. Vai parecer a coisa mais errada a fazer, contudo você não vai aprender fazer nada de improviso. Sabia que a maioria das pessoas acha que sair da dívida é simplesmente pagar contas?

Me diga, você está pronto para saber como conseguir economize R$ 1.000 o mais rápido possível? 

Certamente você não estava esperando por isso, ou esperava? Porque, digo isto, sabemos que alguém que está endividado não economizaria dinheiro em vez de usá-lo para pagar as dívidas?

Porque economizar para quando a dívida aparecer?

Nós brasileiros não temos o costume de reservar uma parte do salário, mas meu conselho para você é — mude esse conceito. Pense em fazer o seu fundo de emergência como uma rede de segurança em caso de queda e falta de dinheiro.

Ao economizar recursos financeiros mensalmente, isso permitirá você criar uma mentalidade de estar no controle de seu dinheiro. Também vai forçar você fazer mudanças no modo de usar seu dinheiro.

Ao começar economizar parte da sua renda, além de ter um dinheiro reservado para aquelas horas de sufoco, em pouco tempo você terá grana suficiente para fazer boa parte do que deseja fazer á vista, que normalmente faria financiado.

Nós não temos uma bola de cristal para saber quando os tempos difíceis irão chegar, mas podemos nos preparar para quando estarmos vivendo nesses tempos.

  • Seu aparelho de energia solar pifa.
  • Seu carro dá problema na transmissão.
  • Seu filho quebra o braço no treino de futebol, todas essas são surpresas que podem geram gastos.

Mas se você tiver R$ 1 mil em um fundo de emergência, não precisará se endividar quando precisar de dinheiro urgente ou o inevitável acontecer.

Inicie o seu fundo de emergência imediatamente

Se você leva a sério e quer sair da divida, deve trabalhar ao máximo para conseguir economizar pelo menos R$ 1.000 nos próximos 3/4 meses ou o quando antes. Abaixo tem algumas ideias!

Fazer um orçamento financeiro da renda e gastos

É meio repetitivo mas faça o controle financeiro do seu dinheiro com uma planilha ou aplicativo online, fazer isso é essencial para que o seu sucesso com as finanças aconteça.

Controlar sua finanças com um orçamento bem definido é a chave para conseguir guardar pequenas quantias de dinheiro para criar o seu fundo de emergência de pelo menos R$ 1.000 reais.

Sabendo quando entra e quanto você está gastando, será mais fácil fechar a torneira onde tem mais despesas e quais delas é possível cortar para economizar mas dinheiro. Mas se você não fizer seu plano com um orçamento mensal, nunca saberá quais o custos você poderá cortar para economizar.

Reorganize suas prioridades financeiras

Sabemos que pode parecer impossível, mas é factível mudar totalmente um vida financeira desregrada e sem controle!

  • Primeiro: faça uma lista de compras e siga-a sem mudanças de última hora.
  • Segundo: pare de financiar seus “desejos descontrolados” e compre apenas itens necessários.

Se você acha que vai ceder às compras por impulso ao caminhar pelos corredores de um Shopping ou Hipermercado, considere deixar de ir nesses ambientes. Para itens necessários, mude para produtos de marca menos conhecidas.

Desafie-se a ser criativo! Faça suas refeições no fogão ao invés de comprar alimento e refeições prontas que custa muito caro, isso em qualquer lugar do mundo. Só de fazer isso, muito dinheiro será poupado.

Se desfaça de coisas que não precisa ou usa mais

Venda tudo que você mantém guardado em caso mas não usa, não dá pra ninguém ou troca.

Desapega! Essa é a palavra de ordem. Utensílios domésticos, roupas, aparelhos eletrônicos, brinquedos e tudo que você nem lembrava mais, no entanto pode virar dinheiro se for vendido.

Livrar-se de bijuterias, jóias de valor que você comprou mas não usa. Venda qualquer coisa de valor monetário que realmente não tem significado para você mas que está acumulado na sua casa.

Deseja sair da divida mesmo?

Procure por grupos sociais no facebook de brechó, sites de compra e venda de produtos usados, tente a OLX ou o Mercado Livre, nesse lugares sempre tem alguém que que comprar ou que você está vendendo.

Afinal, o que pode não prestar para uma pessoa pode ser valioso para outra.

Encontre alternativas de fazer dinheiro extra

Você é um ótimo fotógrafo? Sabe mixar músicas? Sabe tocar violão, piano ou violino? Sabe tricotar cachecol ou cobertores de lã? Agora é a hora de usar seus hobbies ou habilidades para gerar renda extra.

Procure oportunidades para trabalhar nas horas que estiver desocupado.

Se o seu trabalho não lhe der essa opção, considere encontrar um tempo extra para fazer durante a noite ou no fim de semana. Claro que parece não ser tão glamouroso ter que entregar pizzas ou trabalhar em algum delivery qualquer, mas por outro lado, ajudará você guardar dinheiro ou sair da dívida.

Decida o que não irá fazer falta na sua vida

Você está pronto para algum sacrifício?

Percorra sua planilha de gastos e despesas para cancelar quaisquer associações, boletos, faturas e serviços desnecessários. Dê adeus à academia que você paga mas não usa, assinaturas de revistas ou jornais mensais que você não tem tempo de ler!

Talvez seja hora de cancelar sua tv a cabo, mudar para um plano básico ou (usar o Netflix por menos de R$ 25), ou ainda acessar planos de sites de filmes pela internet.

Veja desta forma: se você está trabalhando extra certamente não terá mais tempo ocioso. Não tenha medo de fazer um pouco de sacrifício por um período para poder adicionar mais dinheiro extra no seu bolso rapidamente!

Depois de alcançar o número mágico, leve seu dinheiro para o banco. Não o deixe em casa — se deixar em casa, cedo ou tarde vai usá-lo para qualquer outra coisa que não será para uma emergência.

Você consegue criar um fundo de emergência?

Nem todos conseguem criar a sua própria rede de segurança (guardar dinheiro extra) para quando algo inesperado acontecer. Entenda que esse dinheiro reservado pode ser útil para te dar uma vantagem financeira para poupar com juros e outros encargos.

Este é um dos primeiros passos para acrescentar confiança a sua mente, criar um sentimento de realização e senso de controle do próprio dinheiro. Este passo prova que você pode economizar dinheiro.

Sabia que você pode controlar seu comportamento relacionado ao seu dinheiro?

Quer descobrir o poder do foco intenso em objetivos e determinação para conquistar?

Quer saber como usar habilidades para enfrentar problemas financeiros como passo para se livrar e sair das dívidas?

Recomendamos que você comece sua jornada rumo ao sucesso financeiro. Saiba mais sobre como assumir o controle de seu dinheiro e vencer a dívida de uma vez por todas. Este plano funciona! Clique Aqui!

DeixaqueeuPago – Paga suas Contas

“Quem não gostaria de ouvir essa frase “Deixa que eu pago”? Todos querem! Pois é sobre isso que vamos abordar, uma forma de pagar as contas de um jeito fácil.”

Você vai saber o que é possível fazer para pagar contas e sair das dívidas para limpar o nome ou apenas consolidar todas as contas, enfim, você é quem decide.

Deixaqueeupago - Pague suas Contas
Pague todas suas contas e dívidas, baixe os juros, fique só com uma parcela de valor bem menor.

Estar com dívida, contas a pagar e despesas pendentes realmente é uma das experiências mais estressantes que existe. Não importa qual seja a sua situação, se você assinou um ou mais contratos de empréstimo pessoal, você é obrigado a pagá-lo e, poucas coisas impedem contas e dívidas de serem pagas.

Pior ainda é quando há uma mudança drástica na vida, como a perda do emprego, participar de um acidente com automóveis ou mesmo quando os custos com despesas domésticas aumentam por causa do nascimento de um filho, etc.

Às vezes, a dívida pode ser apenas gastos rotineiros como contas de luz, água, telefone, cartão de crédito, aluguel, condomínio, prestação do carro ou moto, impostos como IPVA e IPTU, multas de trânsito, boleto do colégio ou mensalidades da faculdade, cursos, boleto de plano de saúde e por aí vai.

Opa! Não podemos esquecer gastos intencionais como uma ida a praia no final de semana prolongado ou num feriado.

  • E os gastos excessivos das férias?
  • E os gastos das épocas de final de ano?

No início do ano então com os impostos e compra de material escolar, renovação de matrículas, enfim, são muitas contas para pagar o tempo quase todo.

No entanto, existem soluções rápidas e praticas para se livrar de algumas dessa dívidas com serviços online especializados no pagamento de contas e débitos pessoais, vamos ver como é esse negócio na prática..

O que é? Como funciona o Deixaqueeupago?

O Deixaqueeupago é uma plataforma online que liquida suas contas em até 12x parcelando no seu cartão de crédito. Os débitos normalmente são quitado em até 48hs e você pode dormir mais tranquilo depois disto.

O “Deixa que eu pago” faz o pagamento e financia suas dívidas e você fica “livre e sossegado”. Se você tem contas de luz, água, telefone, cartão de crédito, aluguel, condomínio, prestação do carro ou moto, impostos como, IPVA, IPTU, multas, boleto do colégio ou mensalidade da faculdade, cursos, boleto de plano de saúde, enfim, a ideia é facilitar a vida de pessoas que possuem estes tipos de dívidas, pendentes ou à pagar, quitando os débitos.

Deixaqueeupago, o nome é bem sugestivo, ela é uma Fintech para empréstimo inovadora que criou um jeito justo de pagar suas contas, é livre de burocracia, é sem contrato e principalmente sem as famosas pegadinhas.

Muitas pessoas estão lutando para sair das dívidas, isso é verdade, mas essas dívidas acabam batendo na cara com tanta força do devedor que a maioria desiste de paga-las, em alguns casos isso é praticamente inevitável.

Mas isso não tem que fazer parte da sua vida. Há tantas pessoas que estão saindo das dívidas todos os dias, e não apenas isso, estão se livrando da dívida em um curto período de tempo.

Para apoiar você, preparamos um pequeno manual para introduzi-lo em pequeno passos, simples mas eficazes para sair das dívidas sem muitos estragos.

Passos simples para eliminar suas dívidas

Quando se trata de dinheiro, o melhor é tomar uma decisão consciente de parar de pedir dinheiro emprestado, quando é possível, claro.

Se você quiser sair das dívidas o quanto antes, primeiro é preciso parar de usar a dívida para financiar o seu estilo de vida. Isso quer dizer que não há necessidades de trocar de mobília com financiamento, mudar de carro todo ano e vestir as roupas mais caras, outra coisa, parar de aceitar toda proposta de cartão de crédito enviada para seu nome.

Tentar viver uma vida fora do padrão de renda ou status que você acredita estar, certamente uma hora ou outra você vai descobrir que não tem dinheiro para pagar tudo que quer.

E claro que isso acontece depois do acúmulo de muitas e muitas dívidas. O bom é que depois da ruína, a melhor fase é aprender se concentrar mais em poupar do que em gastar, principalmente porque as dívidas vem acompanhadas de problemas como:

  • Nome sujo
  • Falta de dinheiro
  • Restrição ao crédito

Estabeleça um fundo de emergência em dinheiro

Você pode estar se perguntando: “Porque eu teria um fundo de emergência”? Bem, se você não tem crédito disponível no banco e uma emergência acontece, como você vai pagar a conta? Para a maioria das pessoas, os cartões de crédito tornam-se a fonte de financiamento para essas emergências.

Se você está tentando sair da dívida, então você precisa colocar um empecilho entre você e a sua dívida, e esse empecilho é dinheiro, é exatamente isso que vamos falar agora. Recentemente uma Fintech foi criada justamente para esse tido de solução.

A Deixaqueeupago fica entre você e as contas, despesas e dívidas que são praticamente impagáveis, ela liquida suas contas em até 12x parcelado no seu cartão. O débito enviado é quitado em até 48hs, os valores liberados para financiamento pode chegar à R$ 2.000 reais.

Todo processo para quitar suas contas e eliminar as dívidas é feitos em apenas 4 etapas:

1 – Crie um cadastro online no site do Deixaqueeupago.

2 – Junto todas as contas que deseja pagar e envie as cópias digitalizadas. O “Deixa que eu pago”, analisa contas de até R$ 2.000 reais, portanto, é só anexar as contas que precisam serem quitadas.

3 – As contas serão analisadas e será feito um proposta para que as contas sejam pagar. Em geral, a proposta de quitação é enviada em até 24hs.

4 – Finalizando o processo. Depois de aceito, a Deixaqueeupago quita sua conta à vista e você pode dividir todos o débito em até 12x no cartão.

Essa tipo de operação financeira, parece muito com a consolidação de dívidas, onde você pode juntar todas as dividas em uma só, nesse caso especifico, você pode quitar débitos pessoais variados, até a mensalidade da faculdade atrasada ou a parcela do carro, o mais interessante é que assim como o empréstimo para negativados e o Penhor da Caixa, você não passa pela consulta de crédito.

Organize suas dívidas como a Deixaqueeupago

Organização, isso é fundamental para tudo na vida, e mapear um plano para saldar sua dívida também. Existem vários tipos de abordagens que valem a pena considerar. Uma delas é você listar seus débitos e contas menores e as maiores, separe-as, independente da taxa de juros para paga-las

Quando quitamos nossas dívidas, colocamos vento soprando em nossas velas e podemos seguir mar a dentro. Mesmo que ainda fique algumas dívidas para trás, saber que é possível reduzir o custo, juntá-las todas ou liquidá-las – é algo muito poderoso. A crença de que podemos sair da dívida rapidamente, nos mantém cheios de planos.

A Deixaqueeupago é justamente a chave mestra para você que possui poucas dívidas ou dívidas pequenas. Se você quiser acabar completamente com elas, vá em frente e faça isso. Junte todas as contas até R$ 2.000 e financie com a melhor taxa de juros para consolidação, apenas 4% e 7%, menor que o empréstimo pessoal bancário.

Dica – acabe com qualquer dívida que diminui seu dinheiro

Quando estamos pensando em sair das dívida, e não tem como fazer o pedido de um consignado, com taxas muito baixas, o ideal é usar o dinheiro extra que entra como renda durante todo o ano, contabilize-o para a eliminação de contas e despesas mais caras ou juros predatórios. Pegue esse dinheiro e usa para fazer pagamentos extraordinários.

Alguns bons exemplos seria usar a restituição de impostos, vender ou refinanciar o carro, usar dinheiro de herança, ganhar uma aposta, ganhar na Loto Fácil ou Mega Sena etc. Quanto mais dinheiro você puder usar para liquidar suas dívidas, mais rápido ela desaparecerá.

A dívida não precisa ser para sempre ou acabar com seu crédito e reputação.

Desenvolva um plano financeiro, a Deixaqueeupago pode ajudar você nessa empreitada, caso contrário, temos três cursos aqui que ajuda você não só lidar com as dívidas como ajuda você criar uma mentalidade prospera para ganhar e juntar dinheiro.